Compartilhe!

O capitão Daniel Alves, o bola de ouro, ergue a Copa América de 2019. Foto: Pedro Martins/MoWA.

O Brasil conquistou a Copa América pela 9ª vez em sua história. Na disputa continental, segue abaixo dos rivais uruguaios (15) e argentinos (14). Entretanto, somando os títulos das seleções principais nos âmbitos mundial, intercontinental e continental, a Seleção chegou à 18ª conquista, recorde. Até a final contra o Peru, no Maracanã, BRA, ARG e URU estavam empatados. A vantagem do trio era esperada por causa da própria Copa América, o torneio de seleções mais antigo em disputa, com 31 edições a mais que a Euro. Por sinal, esta lista do blog considera todos os torneios continentais oficiais masculinos, a Copa das Confederações e a Copa do Mundo.

Ao longo da história, outras competições importantes foram realizadas, de forma pontual – como o Campeonato Pan-Americano (3 edições, BRA 2x e ARG 1x). E, claro, há a ressalva sobre o torneio olímpico, com inúmeras mudanças – hoje, adota o Sub 23. O Uruguai, por exemplo, ganhou a medalha de ouro em 1924 e 1928. Em Montevidéu, essa lista deixaria o Uruguai com 19 conquistas – até porque, lá, os torcedores charrúas se consideram tetracampeões mundiais. Devido à falta de padronização, optei por não considerar os títulos olímpicos.

Abaixo, então, duas listas. A primeira dando peso (mundial, intercontinental e continental), com o Brasil também à frente, por causa do pentacampeonato mundial. Aqui, todos os títulos continentais têm o mesmo peso – sabemos que na prática não é assim. Entre os títulos, algumas curiosidades, como a Austrália, hoje filiada à AFC, a confederação asiática. Na sua galeria, 4 taças da Oceania e 1 da Ásia. Também tem Israel, com um título asiático, mas desde a década de 1990 filiado à Uefa – onde ainda não conseguiu se classificar à Eurocopa.

Até hoje, 50 países diferentes já conquistaram títulos oficiais com os times principais.

Atualização: A lista contabilizou o título do México na Copa Ouro, com a final realizada horas depois da decisão da Copa América. Em relação a 2019, falta a Copa Africana, em andamento.

Ranking de de títulos de seleções por peso*
1º) 5-4-9 – Brasil
2º) 4-1-3 – Alemanha
3º) 4-0-1 – Itália
4º) 2-2-2 – França
5º) 2-1-14 – Argentina
6º) 2-0-15 – Uruguai
7º) 1-0-3 – Espanha
8º) 1-0-0 – Inglaterra
9º) 0-1-11 – México
10º) 0-1-1 – Dinamarca
11º) 0-0-7 – Egito
12º) 0-0-6 – Estados Unidos
13º) 0-0-5 – Austrália, Camarões e Nova Zelândia
16º) 0-0-4 – Gana e Japão
18º) 0-0-3 – Arábia Saudita, Costa Rica, Irã e Nigéria
22º) 0-0-2 – Canadá, Chile, R.D. Congo, Coreia do Sul, Costa do Marfim, Paraguai, Peru e Portugal
30º) 0-0-1 – África do Sul, Argélia, Bolívia, Catar, Colômbia, R. Congo, Etiópia, Grécia, Guatemala, Haiti, Holanda, Honduras, Israel, Kuwait, Marrocos, República Tcheca, Rússia, Sudão, Taiti, Tunísia e Zâmbia

* Pela ordem, títulos mundiais, títulos intercontinentais e títulos continentais.

Ranking absoluto de títulos de seleções
1º) 18x – Brasil
2º) 17x – Argentina e Uruguai
4º) 12x – México
5º) 8x – Alemanha
6º) 7x – Egito
7º) 6x – Estados Unidos e França
9º) 5x – Austrália, Camarões, Itália e Nova Zelândia
13º) 4x – Espanha, Gana e Japão
16º) 3x – Arábia Saudita, Costa Rica, Irã e Nigéria
20º) 2x – Canadá, Chile, R.D. Congo, Coreia do Sul, Costa do Marfim, Dinamarca, Paraguai, Peru e Portugal
29º) 1x – África do Sul, Argélia, Bolívia, Catar, Colômbia, R. Congo, Etiópia, Grécia, Guatemala, Haiti, Holanda, Honduras, Inglaterra, Israel, Kuwait, Marrocos, República Tcheca, Rússia, Sudão, Taiti, Tunísia e Zâmbia

Abaixo, as competições listadas no blog:

Mundial
Copa do Mundo, 21 edições (1930-2018)

Intercontinental
Copa das Confederações, 10 edições (1992-2017)

Continental
Copa América, 46 edições (1916-2019)
Copa Africana, 31 edições (1957-2017)
Copa da Ásia, 17 edições (1956-2019)
Eurocopa, 15 edições (1960-2016)
Copa Ouro, 15 edições (1991-2019)
Copa Concacaf, 10 edições (1963-1989)
Copa das Nações da Oceania, 10 edições (1973-2016)
Liga das Nações da Uefa, 1 edição (2019)


Compartilhe!