Compartilhe!

Robinho em ação contra o América, pelo Estadual. Registro de Léo Lemos, fotógrafo do Náutico.

Revelado há um ano, o atacante Robinho foi negociado com o Bragantino, indo da C pra B, com o Náutico recebendo R$ 1 milhão por 50% dos direitos econômicos – dado apurado por João de Andrade Neto, do Diario de Pernambuco. O timbu ainda ficou com 35%, visando uma transação futura – agora através do clube paulista, gerido pela Red Bull, a proprietária.

A venda de Robinho, que marcou 12 gols em 55 jogos no alvirrubro, foi a 11ª de porte milionário na história do clube – todas no século XXI. A última havia sido há dois anos, também com um jogador revelado no CT Wilson Campos. No caso, o também atacante Erick – hoje no Vitória. A negociação atualiza o status do clube de Rosa e Silva, um dos quatro da região a contabilizar mais de dez vendas acima de R$ 1 milhão. O recorde segue com Douglas Santos, R$ 4,5 mi.

Clubes com mais de 10 vendas milionárias no Nordeste (1994-2019)*
1º) 27x – Vitória
2º) 23x – Bahia
3º) 22x – Sport
4º) 11x – Náutico
* Ao todo, 15 clubes da região já firmaram uma transação de pelo menos R$ 1 milhão

A seguir, as maiores vendas do Náutico, em valores nominais – ressalva importante, uma vez que, em mais de duas décadas, o valor da moeda nacional flutuou. Robinho aparece em 8º, dividindo com três nomes. Cronologicamente, ele foi a 40ª venda de PE e a 112ª do NE.

Leia mais sobre o assunto
Todas as vendas milionárias dos clubes do Nordeste no Plano Real


Compartilhe!