Compartilhe!

A capa do álbum de 2019, um tanto “genérica”, sem escudos dos times e imagens dos atletas.

Pelo 4º ano seguido, o Campeonato Brasileiro tem um álbum oficial de figurinhas. No caso, seguindo o acordo entre CBF e Panini, firmado em 2016. A editora já publicava o álbum desde 1996, quando assumiu o papel da Abril, que lançou o álbum de 1987, apenas com o módulo verde da competição, até 1995.

O “produto oficial licenciado” repete o modelo visto em toda esta década, com os 40 clubes das Séries A e B – a Série C também teve um álbum, produzido pela Innova. Embora a Panini não tenha dado maiores detalhes, como nº de páginas e cromos especiais, já abriu a pré-venda, com entrega em 30 de agosto – com a primeira divisão já na 17ª rodada.

Segundo o site da editora, os preços sugeridos são os seguintes: R$ 2,50 por envelope de 5 cromos, R$ 8,90 pelo álbum de capa brochura e R$ 29,90 pelo álbum de capa dura.

A seguir, os clubes presentes no livro ilustrado oficial desta temporada.

Série A
Bahia, Ceará, Fortaleza, CSA, Flamengo, Vasco, Fluminense, Botafogo, São Paulo, Corinthians, Santos, Palmeiras, Cruzeiro, Atlético-MG, Inter, Grêmio, Atlético-PR, Avaí, Chapecoense, Goiás

Série B
Sport, Vitória, CRB, Operário-PR, América-MG, Brasil-RS, Bragantino, São Bento-SP, Atlético-GO, Oeste-SP, Botafogo-SP, Guarani, Figueirense, Criciúma, Cuiabá, Vila Nova, Paraná, Londrina, Coritiba, Ponte Preta

Abaixo, as capas dos 32 álbuns anteriores, por ordem decrescente. Qual foi a melhor versão?

2018-2011

2010-2003

2002-1995

1994-1987


Compartilhe!