Compartilhe!

Os 14 clubes que disputaram a final do Nordestão entre 1994 e 2019.

O Fortaleza conquistou o título da Copa do Nordeste de 2019 ao vencer o Botafogo da Paraíba por 1 x 0, na ida e na volta. Assim, o tricolor cearense tornou-se o 9º clube a vencer a competição regional. Esta foi, também, a segunda conquista do futebol cearense, que se isola como o terceiro estado mais vencedor. Aqui, um levantamento sobre o “G4” nas 16 edições oficiais, espalhadas ao longo de 25 anos de história.

O Vitória se mantém como o maior campeão, embora não levante a taça há nove anos. Curiosamente, desde então, só campeões distintos, com oitos edições consecutivas com um vencedor diferente. Imprevisível e emocionante.

Títulos da Copa do Nordeste (por clube)
4 – Vitória (1997, 1999, 2003 e 2010)
3 – Sport (1994, 2000 e 2014)
3 – Bahia (2001, 2002 e 2017)
1 – América-RN (1998)
1 – Campinense (2013)
1 – Ceará (2015)
1 – Santa Cruz (2016)
1 – Sampaio Corrêa (2018)
1 – Fortaleza (2019)

Títulos da Copa do Nordeste (por estado)
7 – Bahia (1997, 1999, 2001, 2002, 2003, 2010 e 2017)
4 – Pernambuco (1994, 2000, 2014 e 2016)
2 – Ceará (2015 e 2019)
1 – Rio Grande do Norte (1998)
1 – Paraíba (2013)
1 – Maranhão (2018)

A seguir, o histórico dos 20 clubes que já terminaram entre os quatro melhores colocados da Lampions. Pela ordem da bola, o maior números, com o desempate seguindo com o maior número de vices e, depois, dos anos em que os times chegaram no máximo à semifinal.

1º) Vitória-BA (9x no G4)
4 títulos (1997, 1999, 2003 e 2010)
3 vices (1998, 2000 e 2002)
2 semifinais (2015 e 2017)

2º) Bahia-BA (10x no G4)
3 títulos (2001, 2002 e 2017)
4 vices (1997, 1999, 2015 e 2018)
3 semifinais (1994, 1998 e 2016)

3º) Sport-PE (9x no G4)
3 títulos (1994, 2000 e 2014)
2 vices (2001 e 2017)
4 semifinais (1997, 1999, 2015 e 2016)

4º) Ceará-CE (5x no G4)
1 título (2015)
1 vice (2014)
3 semifinais (1997, 2013 e 2018)

5º) Campinense-PB (2x no G4)
1 título (2013)
1 vice (2016)

6º) Santa Cruz-PE (5x no G4)
1 título (2016)
4 semifinais (2002, 2014, 2017 e 2019)

7º) América-RN (3x no G4)
1 título (1998)
2 semifinais (2003 e 2014)

7º) Fortaleza-CE (3x no G4)
1 título (2019)
2 semifinais (2001 e 2013)

9º) Sampaio Corrêa-MA (1x no G4)
1 título (2018)

10º) ABC-RN (3x no G4)
1 vice (2010)
2 semifinais (2003 e 2018)

11º) Botafogo-PB (2x no G4)
1 vice (2019)
1 semifinal (1998)

12º) CRB-AL (1x no G4)
1 vice (1994)

12º) Fluminense-BA (1x no G4)
1 vice (2003)

12º) ASA-AL (1x no G4)
1 vice (2013)

15º) Náutico-PE (3x no G4)
3 semifinais (2001, 2002 e 2019)

16º) CSA-AL (2x no G4)
2 semifinais (1999 e 2010)

17º) Cruzeiro-AL (1x no G4)
1 semifinal (1994)

17º) Poções-BA (1x no G4)
1 semifinal (2000)

17º) Sergipe-SE (1x no G4)
1 semifinal (2000)

17º) Treze-PB (1x no G4)
1 semifinal (2010)

Considerando o mesmo critério (+ títulos, + vices, + semifinais), eis o histórico estadual.

1º) Bahia (7-8-6)
2º) Pernambuco (4-2-11)
3º) Ceará (2-1-5)
4º) Paraíba (1-2-2)
5º) Rio Grande do Norte (1-1-4)
6º) Maranhão (1-0-0)
7º) Alagoas (0-2-3)
8º) Sergipe (0-0-1)
9º) Piauí (0-0-0)


Compartilhe!