Compartilhe!

Léo Lemos/Náutico

Márcio Goiano cumpriu o prometido e escalou um time misto no duelo no Sertão, pela Copa do Nordeste – não que isso tenha sido uma boa decisão, pelo contrário. Sem surpresa, a equipe montada encontrou dificuldades para se mostrar competitiva, com Wallace Pernambucano sendo determinante para o pontinho somado no 1 x 1 diante do Salgueiro.

Afinal, o mandante foi bem melhor na ensolarada tarde no Cornélio de Barros. No 1T, o time de Sérgio China teve mais posse de bola (55%) e finalizou mais (5 x 4), com mais perigo também (Bruno salvou 2x). Quanto ao timbu, excesso de faltas cometidas (11 x 6).

No 2T, com a temperatura caindo um pouco (começou em 34°), o Salgueiro já voltou pressionando. Primeiro, numa bobeira da defesa alvirrubra, Thomas ficou livre, mas Bruno defendeu – na primeira etapa o goleiro fez o mesmo diante de Muller. No lance seguinte, Jiménez cortou uma bola com o braço, num pênalti bem marcado. Muller cobrou bem e deixou a partida quase definida, uma vez que a busca pelo empate se resumia às seguidas tentativas em Wallace Pernambucano, bem marcado. E continuou assim até que o jogador aproveitou uma sobra, fazendo o seu 4º gol no ano, o 3º pelo Nordestão. Balançou as redes nos três jogos do torneio. O técnico pode até poupar parte do time, mas, pelo visto, Wallace não pode ser uma dessas peças…

Escalação do Náutico (melhores: 1 Bruno, 2 Wallace; pior: Jimenez)
Bruno; Kroebel, Rafael Ribeiro, Sueliton e Assis (Gabriel Araújo, 40/2T; Josa (Jiménez, 1/2T), Luiz Henrique, Lucas PB e Fábio; Matheus Carvalho (Tharcysio, 24/2T) e Wallace PE. Técnico: Márcio Goiano

Escalação do Salgueiro (melhores: 1 Muller, 2 Thomas; pior: Guilherme)
Luciano; Kevin, Igor João, Jamerson e Bruno Sena; Escuro (Mardley, 23/2T), Guilherme (Feliphe Gabriel, 27/2T) e Tarcísio; Muller, Anicete e Thomas Anderson (Léo Carioca, 33/2T). Técnico: Sérgio China

Histórico de Salgueiro x Náutico (todos os mandos)
34 jogos
16 vitórias alvirrubras (47,0%)
7 empates (20,5%)
11 vitórias salgueirenses (32,3%)

A análise do Podcast 45 Minutos (Cassio Zirpoli, Fred Figueiroa e João de Andrade):

Léo Lemos/Náutico


Compartilhe!