Compartilhe!

O Clássico das Multidões no Sub 23, na Ilha do Retiro. Foto de Caio Falcão, via Santa/instagram.

A participação pernambucana na 3ª edição do Campeonato Brasileiro de Aspirantes acabou logo na primeira fase. Após a realização de oito rodadas, Santa Cruz e Sport não alcançaram o G4 em seus respectivos grupos. Na disputa nacional, com times Sub 23, podendo utilizar até três jogadores sem limite de idade, os rivais largaram muito mal, com três derrotas cada – situação que só mudou porque na 4ª rodada houve o confronto direto, com vitória leonina no finzinho.

Na segunda metade da tabela, ambos até reagiram. Enquanto o tricolor deixou a lanterna, o leão ficou a uma posição do G4. Ou seja, até melhoraram a campanha em relação ao torneio passado. Contudo, o cenário ainda é bem insatisfatório, na minha visão. Na região, Bahia e Vitória, por exemplo, avançaram. Já o Ceará, estreante em 2019, também foi desclassificado.

Seguiram para a segunda fase do campeonato: Grêmio (18 pontos), Bahia (16), Goiás (16), Figueirense (14), Avaí (14), Internacional (13), Vitória (12) e Santos (11).

Santa Cruz // Grupo A
Como na edição anterior, o tricolor utilizou vários jogadores do time principal, que disputa paralelamente a Série C do Brasileiro. Entre os motivos, uma tentativa para dar mais lastro à jovem equipe, mas também uma forma para movimentar algumas peças em baixa – por questão física ou técnica. Casos do atacante Elias, prata-da-casa que havia despontado no Estadual, e do volante Marcelo Mattos, contratado recentemente. Sobre a campanha, a curiosidade vai pelo fato de que as duas vitórias corais foram fora de casa. Como mandante, 1E e 3D.

Em 2019: 8 jogos; 2V, 1E e 5D; 6 GP e 13 GC (14º lugar, sendo 7º no grupo A)
Em 2018: 8 jogos; 1V, 2E e 5D; 5 GP e 14 GC (13º lugar, sendo 6º no grupo B)

Total: 16 jogos (12 pontos, 25.0%); 3 vitórias, 3 empates e 10 derrotas; 11 GPG e 27 GC

A campanha tricolor em 2019 (enfrentou os times do grupo B)
1ª) Santa Cruz 0 x 2 Ceará (24/05, Arruda)
2ª) Inter 3 x 0 Santa Cruz (30/05, Alvorada-RS)
3ª) Santa Cruz 1 x 3 Figueirense (06/06, Gileno de Carli)
4ª) Sport 2 x 1 Santa Cruz (15/06, Ilha do Retiro)
5ª) Ponte Preta 0 x 1 Santa Cruz (Águas de Lindóia-SP)
6ª) Santa Cruz 1 x 1 Vitória (28/06, Gileno de Carli)
7ª) Santa Cruz 0 x 1 Santos (04/06, Gileno de Carli)
8ª) Athletico-PR 1 x 2 Santa Cruz (11/07, Curitiba-PR)

Sport // Grupo B
Num comparativo entre as duas últimas campanhas do leão, fica claro a melhora ofensiva (8 gols a mais) e a piora defensiva (9 gols a mais). Não por acaso o time empatou em 3 x 3 em duas oportunidades. O rubro-negro só não balançou as redes na estreia, mas ao longo da campanha, que teve Júnior Palmares como goleador (3 gols), a jovem a equipe não foi confiável, perdendo jogos de virada. Vale citar que o time não contou com peças do grupo principal. Assisti a alguns jogos e o excesso de individualismo também é algo que precisa ser revisto.

Em 2019: 8 jogos; 2V, 2E e 4D; 12 GP e 15 GC (11º lugar, sendo 5º no grupo B)
Em 2018: 8 jogos; 1V, 5E e 2D, 4 GP e 6 GC (12º lugar, sendo 7º no grupo A)

Total: 16 jogos (16 pontos, 33.3%); 3 vitórias, 7 empates e 6 derrotas; 16 GP e 21 GC

A campanha rubro-negra em 2019 (enfrentou os times do grupo A)
1ª) Sport 0 x 1 Paraná (23/05, Ilha do Retiro)
2ª) Grêmio 3 x 1 Sport (31/05, Novo Hamburgo-RS)
3ª) Goiás 2 x 1 Sport (06/06, Goiânia-GO)
4ª) Sport 2 x 1 Santa Cruz (15/06, Ilha do Retiro)
5ª) Bahia 2 x 1 Sport (20/06, Alagoinhas-BA)
6ª) Sport 3 x 3 Coritiba (27/06, Ademir Cunha)
7ª) Sport 1 x 0 Corinthians (04/07, Ademir Cunha)
8ª) Avaí 3 x 3 Sport (11/07, Florianópolis-SC)

Leia mais sobre o assunto
Brasileiro de Aspirantes de 2019 com 5 times do Nordeste entre os 16 inscritos


Compartilhe!