Compartilhe!

Federação da Arábia Saudita/twitter (@saudiFF)

Apesar do ritmo de amistoso, o jogo entre Brasil e Argentina valeu taça. Seguindo o duelo anual programado pelas duas confederações, o “Superclássico das Américas” de 2018 ocorreu na Arábia – também já havia sido disputado na China e na Austrália, além dos dois próprios países, claro. Num jogo fraco, a Seleção venceu os hermanos com um gol nos acréscimos. Assim, faturou o “tetra” no Superclássico, considerando a retomada em 2011.

Ao longo de um século e com mais de cem partidas disputadas, esta foi a 26ª vez que aconteceu uma “final” entre as tradicionais duas seleções, considerando torneios oficiais e amistosos envolvendo as equipes principais. O próprio Superclássico é uma reedição da “Copa Roca”, realizada onze vezes. O nome da antiga disputa entre os rivais vizinhos foi uma homenagem a Alejo Julio Argentino Roca Paz, ex-ministro argentino. A primeira edição, em 27 de setembro de 1914, ocorreu pouco antes da morte Julio Roca, em 19 de outubro do mesmo ano, aos 71 anos.

Além dessas duas taças, os países já disputaram outras copas amistosas ao longo dos anos, oferecidas pontualmente por jornais e patrocinadores. E o mais importante, as competições oficiais envolvendo outros times, com a decisão entre brasileiros e argentinos. Neste caso, a última decisão foi em 2005. Somando tudo, o Brasil ampliou a vantagem. Agora, 17 x 9.

Copa Roca (+ local do jogo final)
1914 – Brasil (1 x 0), em Buenos Aires
1922 – Brasil (2 x 1), em São Paulo
1923 – Argentina (2 x 0), em Buenos Aires
1939 – Argentina (5 x 1, 2 x 3, 2 x 2 e 3 x 0), em São Paulo
1940 – Argentina (6 x 1 , 2 x 3 e 5 x 1), em Buenos Aires
1945 – Brasil (3 x 4, 6 x 2 e 3 x 1), no Rio de Janeiro
1957 – Brasil (1 x 2 e 2 x 0), em São Paulo
1960 – Brasil (2 x 4 e 4 x 1), em Buenos Aires
1963 – Brasil (2 x 3 e 5 x 2), no Rio de Janeiro
1971 – Título dividido (1 x 1 e 2 x 2), em Buenos Aires
1976 – Brasil (1 x 2 e 2 x 0), no Rio de Janeiro

Títulos da Copa Roca: Brasil 8 e Argentina 4

Superclássico das Américas (+ local do jogo final)
2011 – Brasil (0 x 0 e 2 x 0), em Belém
2012 – Brasil (2 x 1 e 1 x 1, com 4 x 3 nos pênaltis), em Buenos Aires
2014 – Brasil (2 x 0), em Pequim (China)
2017 – Argentina (1 x 0), em Melbourne (Austrália)
2018 – Brasil (1 x 0), em Jeddah (Arábia Saudita)

Títulos do Superclássico: Brasil 4 e Argentina 1

Total de títulos em copas exclusivas: Brasil 12 e Argentina 5

Outras taças amistosas, de caráter pontual e envolvendo apenas os dois rivais…

Taça Confraternidade Brasil-Argentina
1923 – Brasil (2 x 0), em Buenos Aires

Copa Centenário da AFA
1993 – Argentina (1 x 1), em Buenos Aires

Copa 50 anos do jornal Clarín
1995 – Brasil (1 x 0), em Buenos Aires

Copa Coca-Cola
1999 – Argentina (2 x 0*), em Buenos Aires

Copa 35 anos do jornal Zero Hora
1999 – Argentina (2 x 0* e 2 x 4), em Porto Alegre

* A partida no Monumental de Nuñez, em 04/09/1999, valeu pelas duas copas amistosas

Finais em competições oficiais envolvendo as seleções principais…

Copa América
1937 – Argentina (2 x 0), em Buenos Aires
2004 – Brasil (2 x 2, com 4 x 2 nos pênaltis), em Lima (Peru)
2007 – Brasil (3 x 0), em Maracaibo (Venezuela)

Copa das Confederações
2005 – Brasil (4 x 1), em Frankfurt (Alemanha)

Total de títulos em “finais” (Copa Roca, Superclássico e demais torneios): Brasil 17 e Argentina 9

Lucas Figueiredo/CBF


Compartilhe!