Compartilhe!

O lance polêmico do clássico. Foi ou não foi pênalti a favor do Náutico?

O empate sem gols entre Náutico e Santa Cruz, nos Aflitos, pela última rodada da primeira fase do estadual, ficou em 2º lugar na audiência nacional, considerando o horário do futebol na Globo, na tarde do último domingo, 17 de março, de acordo com a medição da Kantar Ibope Media em 15 metrópoles do país.

Com 23 pontos, a partida só ficou abaixo do clássico da capital catarinense. Esse foi o segundo duelo entre alvirrubros e tricolores na tela da Globo NE. Em 20 de fevereiro, pela 2ª fase da Copa do Brasil, o clássico e registrou 31,5 pontos, liderando o futebol na tevê na noite daquela quarta. O clássico, que terminou com triunfo coral nos pênaltis, teve 1,002 milhão de telespectadores. Ainda sobre a audiência no Nordeste, vale o destaque para Fortaleza. Há uma semana, a tevê aberta exibiu o Clássico-Rei, com 35 pontos – líder na ocasião. Desta vez, com o Paulistão na grade da TV Verdes Mares, a afiliada de lá, o dado caiu pela metade – mostrando a preferência da pelos clubes locais.

Em relação à maior audiência média do domingo, cenário bem curioso. Líder na audiência média, o clássico entre Avaí e Figueirense ficou na lanterna considerando o número absoluto de telespectadores, com 254 mil. A Grande São Paulo, que lidera sempre este quesito, registrou 4,2 milhões de pessoas sintonizadas na vitória do timão – ou seja, 16x mais.

Obs. O blog continuará com publicações semelhantes sempre que for possível mensurar os dados de audiência futebolística na tevê aberta nos 15 mercados, através do Ibope.

Audiência média em pontos (17/03/2019)
1º) 26,9 – Florianópolis (Avaí 0 x 0 Figueirense)
2º) 23,7 – Recife (Náutico 0 x 0 Santa Cruz)
3º) 23,6 – Belo Horizonte (Atlético-MG 3 x 2 América-MG)
4º) 22,1 – São Paulo (Corinthians 1 x 0 Oeste)
5º) 20,7 – Belém (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
6º) 20,5 – Porto Alegre (Brasil-RS 2 x 1 Pelotas)
6º) 20,5 – Manaus (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
8º) 19,9 – Rio de Janeiro (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
9º) 18,4 – Vitória (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
10º) 16,8 – Fortaleza (Corinthians 1 x 0 Oeste)
11º) 16,3 – Brasília (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
12º) 15,9 – Goiânia (Atlético-GO 2 x 1 Goiás)
13º) 15,8 – Campinas (Corinthians 1 x 0 Oeste)
14º) 15,6 – Salvador (Jequié 0 x 5 Bahia)
15º) 14,4 – Curitiba (Maringá 0 x 4 Athletico-PR)

Audiência média em nº de telespectadores (17/03/2019)
1º) 4,230 milhões – São Paulo (Corinthians 1 x 0 Oeste)
2º) 2,498 milhões – Rio de Janeiro (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
3º) 1,100 milhão – Belo Horizonte (Atlético-MG 3 x 2 América-MG)
4º) 932 mil – Porto Alegre (Brasil-RS 2 x 1 Pelotas)
5º) 866 mil – Recife (Náutico 0 x 0 Santa Cruz)
6º) 697 mil – Fortaleza (Corinthians 1 x 0 Oeste)
7º) 601 mil – Curitiba (Maringá 0 x 4 Athletico-PR)
8º) 593 mil – Salvador (Jequié 0 x 5 Bahia)
9º) 473 mil – Goiânia (Atlético-GO 2 x 1 Goiás)
10º) 419 mil – Brasília (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
11º) 407 mil – Belém (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
12º) 369 mil – Manaus (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
13º) 328 mil – Campinas (Corinthians 1 x 0 Oeste)
14º) 308 mil – Vitória (Cabofriense 2 x 0 Vasco)
15º) 254 mil – Florianópolis (Avaí 0 x 0 Figueirense)

Confira os outros rankings de audiência divulgados em 2019: 20/0127/0103/0217/0220/02, 24/02 e 10/03.


Compartilhe!