Compartilhe!

Considerando as suas quatro divisões, o Campeonato Brasileiro de 2019 terá 128 clubes, repetindo a quantidade de participantes das últimas três temporadas (percentual acima).

A nova divisão absoluta é a seguinte: 39 times do Nordeste, 33 do Sudeste, 25 do Sul, 17 do Norte e 14 do Centro-Oeste. Deste total, 60 estão nas três principais divisões, que têm “calendário cheio”, com atividade regular a partir de abril. Com a definição de todos os acessos e descensos, confira abaixo a relação completa nas séries A, B, C e D. Na elite, o futebol nordestino mantém a sua maior representatividade na era dos pontos corridos, com quatro clubes – no caso, Recife sai de cena para a entrada de Maceió. Apesar da marca, ainda é pouco. Não por acaso, em relação às divisões, a participação do Sul-Sudeste varia de 75% na Série A para 33% na Série D. Já o Norte-Nordeste vai de 20% na Série A para 52% na Série D. Sintomático?

Lembrando que Pernambuco terá sete times no certame nacional, sendo 1 na B, 2 na C e 4 na D. A última edição da elite sem representantes locais foi a de 2011 – com sete participações seguidas depois. Desde 1971, no início do Campeonato Brasileiro, unificação à parte, será apenas a 7ª vez que o estado fica de fora (2002, 2003, 2004, 2005, 2010, 2011 e 2019).

Obs. A lista abaixo segue com 127 times classificados, restando um nome. No caso, trata-se da segunda vaga da federação maranhenses será decida em 12 de dezembro, na copa estadual.

Série A (20 times)
Atlético-MG, Atlético-PR, Avaí, Bahia, Botafogo, Ceará, Chapecoense, Corinthians, Cruzeiro, CSA, Flamengo, Fluminense, Fortaleza, Goiás, Grêmio, Inter, Palmeiras, Santos, São Paulo e Vasco

Divisão regional
Sudeste – 10 times (4 RJ, 4 SP e 2 MG)

Sul – 5 times (2 SC, 2 RS e 1 PR)
Nordeste – 4 times (2 CE, 1 AL e 1 BA)
Centro-Oeste – 1 time (1 GO)
Norte – nenhum

Série B (20 times)
América-MG, Atlético-GO, Botafogo-SP, Bragantino, Brasil-RS, Coritiba, CRB, Criciúma, Cuiabá, Figueirense, Guarani, Londrina, Oeste-SP, Operário-PR, Paraná, Ponte Preta, São Bento-SP, Sport, Vila Nova e Vitória

Divisão regional
Sudeste – 7 times (6 SP e 1 MG)

Sul – 7 times (4 PR, 2 SC e 1 RS)
Nordeste – 3 times (1 AL, 1 BA e 1 PE)
Centro-Oeste – 3 times (2 GO e 1 MT)
Norte – nenhum

Série C (20 times)
ABC-RN, Atlético-AC, Boa Esporte-MG, Botafogo-PB, Confiança-SE, Ferroviário-CE, Globo-RN, Imperatriz-MA, Juventude-RS, Luverdense-MT, Náutico-PE, Paysandu-PA, Remo-PA, Sampaio Corrêa-MA, Santa Cruz-PE, São José-RS, Tombense-MG e Treze-PB, Volta Redonda-RJ e Ypiranga-RS

Divisão regional
Nordeste – 10 times (2 MA, 2 PB, 2 PE, 2 RN, 1 CE e 1 SE)

Norte – 3 times (2 PA e 1 AC)
Sul – 3 times (3 RS)
Sudeste – 3 times (2 MG e 1 RJ)
Centro-Oeste – 1 time (1 MT)

Série D (68 times)
Altos-PI, América-PE, América-RN, Anapolina-GO, Aparecidense-GO, ASA-AL, Atlético-CE, Atlético-RR, Avenida-RS, Bahia de Feira-BA, Barcelona-RO, Boavista-RJ, Bragantino-PA, Brasiliense-DF, Brusque-SC, Caldense-MG, Campinense-PB, Caxias-RS, Central-PE, Cianorte-PR, Corumbaense-MS, Coruripe-AL, Fast-AM, Ferroviária-SP, Floresta-CE, Fluminense de Feira-BA, Foz do Iguaçu-PR, Galvez-AC, Gaúcho-RS, Gurupi-TO, Hercílio Luz-SC, Iporá-GO, Itabaiana-SE, Itaboraí-RJ, Ituano-SP, Jacuipense-BA, Joinville-SC, Juazeirense-BA, Maringá-PR, Manaus-AM, Moto Club-MA, Novorizontino-SP, Operário-MS, Palmas-TO, Patrocinense-MG, Portuguesa-RJ, Real Ariquemes-RO, Rio Branco-AC, River-PI, Salgueiro-PE, Santa Cruz-RN, Santos-AP, São Caetano-SP, São Raimundo-PA, São Raimundo-RR, Sergipe-SE, Serra-ES, Serrano-PB, Sinop-MT, Sobradinho-DF, Tubarão-SC, Tupi-MG, União Rondonópolis-MT, URT-MG, Vitória-ES, Vitória-PE, Ypiranga-AP e mais um clube do Maranhão

Divisão regional
Nordeste – 22 times (4 BA, 4 PE, 2 AL, 2 CE, 2 MA, 2 PB, 2 PI, 2 RN e 2 SE)

Norte – 14 (2 AC, 2 AP, 2 AM, 2 PA, 2 RO, 2 RR e 2 TO)
Sudeste – 13 times (4 MG, 4 SP, 3 RJ e 2 ES)
Sul – 10 times (4 SC, 3 RS e 3 PR)
Centro-Oeste – 9 times (3 GO, 2 DF, 2 MT e 2 MS)

Abaixo, a evolução regional sobre o nº de participantes em cada série, ano a ano, desde que a soma das quatro divisões passou a ser de 128 clubes, em 2016.


Compartilhe!