Compartilhe!

O Ibope-Repucom publicou a atualização das bases digitais dos principais clubes do país, somando os perfis oficiais de cada um deles nas redes sociais mais utilizadas no futebol até outubro de 2019 – facebook, twitter, instagram e youtube. Ao todo, 45 times analisados.

Sobre o Nordeste, são 13 clubes presentes, com o Sport na liderança. No entanto, o Bahia, o concorrente mais próximo, segue tirando a diferença – reduziu em 15 dos últimos 16 meses. Desta vez, o hiato caiu de 88 mil para 77 mil, com cara de contagem regressiva (será?).

No cenário nacional, o leão segue numa parelha disputa pelo 13º lugar. Neste mês, os recifenses reconquistaram a posição após três meses, passando o Botafogo – com 2.235 usuários de diferença. Entre os outros destaques na região, a dupla cearense segue mantendo uma forte investida mês a mês. Ambos já baixaram para 171 mil a distância em relação ao Vitória, há tempos na 3ª colocação regional.

O critério do instituto para a elaboração do levantamento considera os 20 times classificados à Série A desta temporada e os 25 com as maiores bases digitais nas demais divisões, ou mesmo aqueles sem participação no Campeonato Brasileiro de 2019. No topo da lista combinada, o Flamengo já consolidou a vantagem sobre o Corinthians, numa disputa “particular” pela popularidade. Ampliando mês a mês, o time carioca já abriu 2.165.089 de vantagem sobre o alvinegro – neste mês, a margem subiu em 311 mil.

A seguir, os cinco quadros sobre o Nordeste, com as respectivas evoluções e as observações do blog sobre os novos dados, contabilizados pela equipe do Ibope até o dia 30 de setembro.

Obs 1. O asterisco (*) corresponde à maior evolução no último mês.

Obs 2. Uma pessoa pode ter contas em diferentes plataformas, com a lista contando cada uma delas. E também pode, em tese, seguir perfis rivais, também contabilizados nas listas.

1) Soma das quatro redes quantificadas
Após crescimentos acima de 40 mil, em setembro, Ceará e Bahia voltaram a registrar uma evolução dentro do padrão – embora ainda num patamar elevado. Tanto que o tricolor soteropolitano teve a maior evolução da região, mas na casa de 23 mil. Não houve mudança alguma no ranking. Aliás, no Nordeste, só houve uma alteração neste mês, no Youtube.

1º) 3.233.896 – Sport (+13.061)
2º) 3.156.155 – Bahia (+23.824)*
3º) 1.878.324 – Vitória (+5.756)
4º) 1.734.362 – Ceará (+14.387)
5º) 1.706.591 – Fortaleza (+19.351)
6º) 1.051.641 – Santa Cruz (+2.324)
7º) 466.226 – Náutico (+12.705)
8º) 461.120 – Íbis (+12.780)
9º) 443.602 – ABC (+869)
10º) 440.197 – América-RN (+1.190)
11º) 380.493 – CSA (+9.722)
12º) 358.144 – CRB (+4.573)
13º) 284.204 – Sampaio Corrêa (+10.127)

2) Facebook
Na rede de Mark Zuckerberg, o Fortaleza foi o único com um crescimento relevante nesta atualização. Os demais “oscilaram”. Ao todo, sete clubes cresceram, até 1.000 novos usuários (exceção feita ao leão do pici), e seis registraram decréscimo, incluindo o Ceará, após mais de um ano em alta.

1º) 1.121.868 – Bahia (+560)
2º) 1.068.494 – Sport (-985)
3º) 890.565 – Fortaleza (+3.281)*
4º) 846.474 – Ceará (-954)
5º) 557.778 – Santa Cruz (-798)
6º) 457.976 – Vitória (+527)
7º) 239.395 – América-RN (-273)
8º) 222.017 – ABC (-337)
9º) 213.163 – Náutico (+1.183)
10º) 157.709 – Sampaio Corrêa (+622)
11º) 156.382 – CSA (+746)
12º) 143.687 – CRB (+209)
13º) 143.145 – Íbis (-124)

3) Twitter
Conforme pesquisa do próprio Ibope, o Twitter é a rede mais utilizada pelos brasileiros para debater futebol. Daí, o recorrente crescimento geral – algo só modificado quando o microblog faz varreduras em perfis inativos. Esta é a única rede com três nordestinos acima de 1 milhão de seguidores. Nesta atualização, destaque para o Íbis, que aproveita bem o Campeonato Brasileiro para tirar onda – e sequer participa.

1º) 1.566.253 – Sport (+1.593)
2º) 1.417.933 – Bahia (+4.187)
3º) 1.134.860 – Vitória (+761)
4º) 298.609 – Ceará (+2.838)
5º) 242.456 – Fortaleza (+2.951)
6º) 235.178 – Santa Cruz (+676)
7º) 190.828 – Íbis (+6.493)*
8º) 138.237 – Náutico (+1.652)
9º) 121.430 – ABC (+141)
10º) 97.653 – América-RN (+165)
11º) 78.732 – CRB (+546)
12º) 32.660 – CSA (+1.571)
13º) 9.471 – Sampaio Corrêa (+917)

4) Instagram
A rede de compartilhamento de fotos traz o maior crescimento geral, com 4 clubes subindo 11 mil neste mês. Embora o Ceará tenha mantido a liderança, pelo 2º mês, Bahia e Sport também ultrapassaram a barreira de 500 mil seguidores. Entre os demais times, destaque para o Náutico, que passou de 100 mil no embalo do acesso à Série B.

1º) 517.679 – Ceará (+11.831)
2º) 511.354 – Bahia (+16.766)*
3º) 505.449 – Sport (+11.040)
4º) 479.870 – Fortaleza (+12.229)
5º) 253.888 – Vitória (+4.012)
6º) 208.985 – Santa Cruz (+2.339)
7º) 173.251 – CSA (+6.526)
8º) 127.147 – Íbis (+6.411)
9º) 122.425 – CRB (+3.578)
10º) 108.204 – Sampaio Corrêa (+7.581)
11º) 105.966 – Náutico (+8.053)
12º) 91.276 – ABC (+945)
13º) 85.949 – América-RN (+1.119)

5) Youtube
Já a rede de vídeo vem com o Bahia consolidado na liderança, com 11,2 mil de vantagem sobre o Fortaleza e 11,3 mil sobre o Sport – briga grande pela vice-liderança. A curiosidade neste mês está na mudança da rede em relação à divulgação dos inscritos, agora com números arredondados – apenas o proprietários dos canais podem checar os dados “precisos”. Daí a quantidade de zeros no ranking abaixo. Falando em ranking, a única mudança do mês foi feita pelo Náutico, que tomou o 11º lugar do Sampaio. E olhe que a TV Timba foi criada em 03/2019.

1º) 105.000 – Bahia (+2.311)*
2º) 93.800 – Fortaleza (+990)
3º) 93.700 – Sport (+1.413)
4º) 71.600 – Ceará (+672)
5º) 49.700 – Santa Cruz (+107)
6º) 31.600 – Vitória (+156)
7º) 18.200 – CSA (+879)
8º) 17.200 – América-RN (+179)
9º) 13.300 – CRB (+240)
10º) 8.880 – ABC (+121)
11º) 8.860 – Náutico (+1.817)
12º) 8.820 – Sampaio Corrêa (+1.007)


Compartilhe!