Compartilhe!

Foram apenas 14 gols na rodada, com média de 1,4. No geral, 749 gols em 331 jogos (2,26).

A goleada do Fortaleza sobre o CSA, com gols de Juninho (golaço de falta), Tinga e Paulão, foi o único triunfo nordestino na 33ª rodada do Brasileirão. O resultado praticamente garante o leão do pici na elite em 2020.

Embora o técnico Rogério Ceni tenha se apressado em brecar a empolgação com os 42 pontos, a campanha, restando apenas cinco jogos, já começa a já mirar uma inédita vaga internacional, na Sul-Americana. Quanto ao azulão alagoano, com quatro derrotas seguidas, o destino começa a ser traçado, no mau sentido. E quem também gelou a espinha no fim de semana foi o Ceará, derrotado pela combalida Chapecoense. Está a apenas 1 ponto do Z4.

E o Bahia? Agora com 1,1% de chance de classificação à Libertadores, o clube empatou em casa com o Palmeiras e tem apenas 1 vitória nas últimas 11 rodadas. Parece ter perdido o gás.

Liderança
Já com 34 jogos disputados (antecipou um por causa da final da Libertadores), o Flamengo ampliou a vantagem para 13 pontos. Praticamente inalcançável, pode ser campeão já no próximo fim de semana, caso o Palmeiras tropece em casa diante do Grêmio. Hoje, o time carioca soma 21 jogos de invencibilidade na Série A, com 18V e 3E – ou seja, 57 pontos em 63 disputados.

A análise do Podcast 45 Minutos sobre a rodada:

Abaixo, os detalhes do andamento do Campeonato Brasileiro (jogos, rodada e classificação).

Resultados da 33ª rodada
Santos 1 x 1 São Paulo (14.062 pessoas, incluindo o presidente da república)
Fluminense 1 x 1 Atlético-MG (galo fez contra, mas empatou aos 43/2T; 24.405 pessoas)
Grêmio 0 x 1 Flamengo (Gabigol chegou a 22 gols, recorde do Fla na A; 30.980 pessoas)
Bahia 1 x 1 Palmeiras (verdão não perde há 9 jogos, mas não chega no 1º; 23.914 pessoas)
Corinthians 0 x 0 Internacional (ambos seguem empatados na disputa pelo G6; 29.423 pessoas)
Chapecoense 1 x 0 Ceará (Everaldo marcou aos 36/2T e chegou a 12 gols; 3.431 pessoas)
Athletico-PR 1 x 0 Botafogo (CAP não perde há 8 jogos, com 5V e 3E; 18.091 pessoas)
Fortaleza 3 x 0 CSA (leão vence 2ª seguida e segue na zona da Sula; 34.231 pessoas)
Vasco 1 x 1 Goiás (Henríquez, o capitão vascaíno, fez contra aos 51/2T; 18.620 pessoas)
Cruzeiro 0 x 0 Avaí (com o empate, o clube de SC é o primeiro rebaixado nesta edição)

Resultado da 34ª rodada (jogo antecipado)
Flamengo 4 x 4 Vasco (clássico eletrizante, com 2 viradas; 52.757 pessoas)

A agenda da 34ª rodada (+ transmissões na televisão)
23/11 (21h00) – Santos x Cruzeiro (Vila Belmiro), Premiere
24/11 (16h00) – Goiás x Bahia (Serra Dourada), Premiere
24/11 (16h00) – Atlético-MG x Athletico-PR (Mineirão), Globo
24/11 (16h00) – Palmeiras x Grêmio (Allianz Parque), Globo e Premiere
24/11 (18h00) – Botafogo x Corinthians (Nilton Santos), Premiere
24/11 (19h00) – Avaí x Chapecoense (Ressacada), SporTV e Premiere
24/11 (19h00) – Internacional x Fortaeza (Beira-Rio), TNT e Premiere
24/11 (19h00) – Ceará x São Paulo (Castelão), Premiere
25/11 (20h00) – CSA x Fluminense (Rei Pelé), SporTV e Premiere

A classificação da Série A após a realização de 331 partidas (*)
* Em relação aos últimos 5 jogos, os resultados são da direita pra esquerda


Compartilhe!