Compartilhe!

Considerando duelos municipais no estado, o resultado no clássico do Cabo é o recordista.

Em 2017, no Estádio Gileno de Carli, em partida válida pela 2ª divisão do Campeonato Pernambucano, ocorreu a maior goleada já vista num clássico do futebol local, independentemente da dimensão do duelo. Reeditando o “Clássico Ca-Fé”, no Cabo de Santo Agostinho, a Cabense goleou o Ferroviário por 9 x 0. O jogo foi transmitido em streaming pela FPF, que confirmou o resultado, também, como a vitória mais elástica na história alviazulina – superando um 7 x 1 sobre o Íbis.

A partir deste placar pra lá de incomum, no qual o vencedor foi o “visitante”, vale mergulhar na história e conferir as maiores vitórias nos duelos envolvendo o trio de ferro da capital, além do Mequinha e de outros confrontos do interior, com clássicos em Caruaru, Vitória de Santo Antão e Petrolina. Todos os jogos (oficiais) ocorreram no Campeonato Pernambucano, em suas duas divisões, com os dados antigos obtidos na pesquisa de Carlos Celso Cordeiro. Entre os grandes clubes, como curiosidade, o blog também listou os jogos apenas no período profissional, iniciado no estado em 1937 – só não houve diferença no Clássico da Emoções.

Ah, vale uma última observação sobre o clássico do Cabo. Em 2019 o Ferroviário mudou de cidade após 58 anos. O clube resolveu mandar os seus jogos em Bezerros, no Agreste. Rivalidade mantida, apesar da distância de 129 km? Neste recorte, deixa de fazer parte.

Dados atualizados até 15 de maio 2020, considerando os clubes em atividade.

Clássico dos Clássicos – Recife
Geral
01/10/1916 – Sport 8 x 0 Náutico (Ponte d’Uchoa, A1)
31/03/1935 – Náutico 8 x 1 Sport (Avenida Malaquias, A1)

Na era profissional
19/10/1941 – Sport 8 x 1 Náutico (Aflitos, A1)
27/10/1974 – Náutico 5 x 0 Sport (Aflitos, A1)

Clássico das Multidões – Recife
Geral
15/08/1934 – Santa Cruz 7 x 0 Sport (Avenida Malaquias, A1)
25/05/1986 – Sport 5 x 0 Santa Cruz (Ilha do Retiro, A1)*

Na era profissional
28/05/1976 – Santa Cruz 5 x 0 Sport (Arruda, A1)
25/05/1986 – Sport 5 x 0 Santa Cruz (Ilha do Retiro, A1)*
* Considerando amistosos, o Sport fez 6 x 1 em 17/12/1954

Clássico das Emoções – Recife
Geral (e profissional)
09/07/1944 – Náutico 5 x 0 Santa Cruz (Aflitos, A1)
06/10/1991 – Santa Cruz 5 x 0 Náutico (Arruda, A1)

Clássico dos Campeões – Recife
Geral
11/05/1995 – Sport 10 x 0 América
21/07/1918 – América 6 x 1 Sport

Clássico da Técnica e da Disciplina – Recife
Geral
28/04/1918 – América 10 x 1 Náutico
28/04/1935 – Náutico 10 x 3 América

Clássico da Amizade – Recife
Geral (e profissional)
08/08/1973 – Santa Cruz 8 x 0 América
14/12/1944 – América 6 x 1 Santa Cruz

Clássico Matuto – Caruaru
Geral (e profissional)
26/03/2014 – Central 5 x 0 Porto (Lacerdão, A1)
20/03/2011 – Porto 4 x 0 Central (Lacerdão, A1)

Clássico Vi-Ver – Vitória de Santo Antão
Geral (e profissional)
13/06/2004 – Vitória 4 x 1 Vera Cruz (Carneirão, A2)
11/04/2010 – Vera Cruz 4 x 1 Vitória (Carneirão, A1)

Clássico de Petrolina – Petrolina
Geral (e profissional)*
13/06/2010 – Petrolina 3 x 1 1º de Maio (Paulo Coelho, A2)
21/03/1999 – 1º de Maio 4 x 3 Petrolina (Paulo Coelho, A2)
* Nunca houve uma goleada

Clássico Ca-Fé – Cabo de Santo Agostinho
Geral (e profissional)*
04/10/2017 – Cabense 9 x 0 Ferroviário (Gileno de Carli, A2)
18/09/2016 – Ferroviário 2 x 1 Cabense (Gileno de Carli, A2)
* O Ferroviário nunca goleou

Como bônus, as maiores goleadas do Estadual, com o insuperável placar do alvirrubro, com 18 gols de diferença. Um resultado já obtido na era profissional. O Fla saiu de cena 2 anos depois.

As 10 maiores goleadas do Campeonato Pernambucano
1º) Náutico 21 x 3 Flamengo do Recife (01/07/1945)
2º) Sport 16 x 0 Flamengo do Recife (19/06/1938)
3º) Náutico 15 x 2 Encruzilhada (26/05/1935)
3º) América 15 x 2 Flamengo do Recife (21/12/1944)
3º) Santa Cruz 15 x 2 Santo Amaro (09/03/1969)
6º) Santa Cruz 14 x 0 Flamengo do Recife (21/05/1949)
6º) Sport 14 x 0 Santo Amaro (07/04/1976)
8º) Santa Cruz 13 x 0 Íbis (11/10/1978)
8º) Santa Cruz 13 x 0 Íbis (05/08/1981)
10º) Tramways 13 x 1 Ferroviário do Recife (19/07/1936)

Leia mais sobre o assunto
As maiores goleadas do futebol, me jogos da Série D até a Copa do Mundo


Compartilhe!