Compartilhe!

As edições publicadas em 22 de abril de 2019…

Vamos às notícias da segunda-feira, com os respectivos títulos e subtítulos.

O Recife tem cinco jornais impressos de circulação diária, três com assinantes (JC, Diario e Folha), um popular (Aqui PE) e um de distribuição gratuita nas ruas (Destak). Destes, apenas o Destak não circulou nesta segunda – saíram apenas as versões de São Paulo e Brasília. Os demais jornais locais destacaram o título pernambucano do Sport após a final com o Náutico, todos com a manchete e quase toda a capa dedicada à taça. Confira as páginas e comente a sua preferida.

Jornal do Commercio (manchete)

#Sport42
Quando Mailson defendeu o último pênalti, cobrado por Diego Silva, a hashtag ao lado subiu nas redes sociais. Era a consolidação da alegria leonina. O Leão bateu o Náutico nos pênaltis (no tempo normal, 2 x 1 para o Timbu) e tem, agora, 42 estaduais. Mailson “herdou” de Magrão a habilidade em defender pênalti: pegou dois.

Diario de Pernambuco (manchete)

O maior de Pernambuco
Em jogo dramático, o Náutico venceu o Sport de virada por 2 x 1, ontem, na Ilha do Retiro, devolvendo a derrota sofrida no jogo de ida, nos Aflitos, por 1 x 0, e levando a decisão para os pênaltis. Aí brilhou o talento do goleiro rubro-negro Mailson, que defendeu duas penalidades. Com a vitória, o Sport conquistou o 42º título estadual, confirmou sua trajetória de maior campeão do Pernambucano e manteve a escrita de não perder decisão para o rival há 51 anos. Veja nesta edição caderno especial sobre a conquista.

Folha de Pernambuco (manchete)

Poder rubro-negro
Diante de uma Ilha do Retiro lotada, o Sport faturou o 42º troféu do Campeonato Pernambucano, após uma partida tensa, marcada por expulsões e pênaltis. Quando o susto das penalidades parecia ameaçar o triunfo dos donos da casa, os leoninos converteram as cobranças e escreveram a vitória, enquanto o Náutico viu duas de suas tentativas serem barradas pelo goleiro Mailson. 

Aqui PE (manchete)

Tome no Timbu! Tome, tome no Timbu!
O Náutico jogou como nunca, mas apanhou como sempre. Faz 51 anos que é assim: toda vez se lasca em final contra o Sport. Pode perguntar ao seu bisavô, que ele sabe. Ontem faltou um cabelinho de sapo para o Timbu detonar o Leão. O Alvirrubro ganhou o jogo de virada e levou a decisão para os pênaltis. Mas Mailson pegou duas bolas e o Rubro-negro faturou o 42º título estadual. A freguesia continua…

Leia mais sobre o assunto
As manchetes do primeiro jogo da final do Pernambucano de 2019

Nos pênaltis, o Sport supera o Náutico na 10ª final seguida e soma o 42º título


Compartilhe!