Compartilhe!
  •  
  • 5
  •  
  •  

Faltam apenas 5 rodadas para o encerramento da segunda divisão, já na reta final.

De acordo com os matemáticos, um clube já tem o destino certo para a temporada de “2021” a partir da classificação na Série B de 2020. No caso, o América, 100% garantido no G4. Por sinal, o time mineiro já abriu 3 pontos sobre a vice-líder Chape e tem, hoje, 83% de conquistar o título da competição. Seria um inédito tricampeonato na segunda divisão, uma vez que o coelho já levantou a taça em 1997 e 2017.

Seguido a análise, vamos às probabilidades de acesso e rebaixamento sobre todos os participantes da segundona. As estatísticas compiladas no blog, após a 33ª rodada, foram calculadas por dois sites especializados: Infobola e UFMG, através do departamento de matemática da universidade mineira. Para a Série B, o blog também costuma tabular os dados do Chance de Gol, mas o site estava desatualizado até a publicação.

No recorte anterior, quando faltavam dez rodadas, o CSA tinha um teto de 42% de chance de acesso. Agora, o azulão alagoano já chega a 59% – além do fato de estar efetivamente no G4 há duas rodadas. Ainda alimentando o sonho de acesso, mesmo tendo 44 pontos, o outrora favorito Cruzeiro aparece com no máximo 1%. Se vencer os cinco jogos restantes e chegar a 59 pontos, terá uma campanha com 70% de chance. Caso empate 1 jogo, a chance da raposa já cai para 17%. Sobre a zona de rebaixamento, com dois nordestinos ameaçados de fato, o Náutico reagiu e reduziu bastante o risco. De até 71%, como no post anterior, para no máximo 19%. Já o Vitória fez o caminho inverso, com a chance de descenso indo de 24% para 44%.

Leia mais sobre o assunto
A classificação da Série B de 2020 após a 33ª rodada; Náutico deixa o Z4

Pontuação mínima para o acesso via UFMG
57 pts – 17,7%
58 pts – 44,1%
59 pts – 70,7%
60 pts – 87,9%
61 pts – 96,4%
62 pts – 99,0%
63 pts – 99,8%

Pontuação mínima para a permanência via UFMG
39 pts – 0,5%
40 pts – 3,8%
41 pts – 14,2%
42 pts – 33,9%
43 pts – 58,7%
44 pts – 80,1%
45 pts – 93,1%

Abaixo, os rankings com as probabilidades dos sites de análise esportiva. A ordem foi estabelecida, naturalmente, pelo percentual em cada cenário, sem relação com a classificação oficial em 2020. Há times com projeções maiores mesmo abaixo dos concorrentes devido à tabela contra adversários mais fracos – o mesmo vale em relação às listas contra o rebaixamento.

A projeção de acesso via Infobola
1º) 100% – América-MG
2º) 99% – Chapecoense
3º) 72% – Cuiabá
4º) 55% – CSA
5º) 44% – Juventude
6º) 10% – Guarani
7º) 9% – Avaí
8º) 7% – Ponte Preta
9º) 1% – Sampaio Corrêa, Operário-PR, Cruzeiro e Brasil-RS
Sem chance – CRB, Confiança, Náutico, Vitória, Figueirense, Paraná, Botafogo-SP e Oeste

A projeção de acesso via UFMG
1º) 100% – América-MG
2º) 99,9% – Chapecoense
3º) 71,6% – Cuiabá
4º) 59,0% – CSA
5º) 42,8% – Juventude
6º) 10,8% – Guarani
7º) 6,9% – Avaí
8º) 6,1% – Ponte Preta
9º) 1,3% – Sampaio Corrêa
10º) Até 1% – Cruzeiro, Operário-PR, Brasil-RS, CRB e Confiança
Sem chance – Náutico, Vitória, Figueirense, Paraná, Botafogo-SP e Oeste

A projeção de rebaixamento via Infobola
1º) 99% – Oeste
2º) 96% – Botafogo-SP
3º) 83% – Paraná
4º) 58% – Figueirense
5º) 44% – Vitória
6º) 17% – Náutico
7º) 1% – Confiança, CRB e Brasil-RS
Sem chance – Cruzeiro, Operário-PR, Sampaio Corrêa, Ponte Preta, Avaí, Guarani, Juventude, CSA, Cuiabá, Chapecoense e América-MG

A projeção de rebaixamento via UFMG
1º) 99,9% – Oeste
2º) 97,7% – Botafogo-SP
3º) 85,2% – Paraná
4º) 56,1% – Figueirense
5º) 40,7% – Vitória
6º) 19,1% – Náutico
7º) Até 1% – Confiança, Brasil-RS, CRB, Cruzeiro, Operário e Sampaio Corrêa
Sem chance – Ponte Preta, Avaí, Guarani, Juventude, CSA, Cuiabá, Chapecoense e América-MG


Compartilhe!
  •  
  • 5
  •  
  •