Compartilhe!

O técnico Daniel Paulista em sua última passagem no Sport, em 2017. Foto: Williams Aguiar/Sport.

O técnico Daniel Paulista está de volta ao Sport. Após a saída de Guto Ferreira, a direção avaliou dois nomes, o do próprio Daniel e o de Jair Ventura, ambos com a premissa de um time mais compacto, sobretudo para a Série A logo à frente, na qual o time pernambucano larga como sério concorrente ao descenso.

Daniel estava no Confiança, onde comandou o time sergipano no acesso à Série B, após 28 anos, e vinha liderando o Nordestão – sai com 10 pontos em 12 disputados. Agora, volta à Ilha, onde virou treinador e cuja última passagem havia sido encerrada em abril de 2018. Na ocasião, era o auxiliar de Nelsinho Baptista – os dois saíram.

Como técnico de fato, Daniel foi um dos responsáveis pela permanência do Sport na Série A em 2016 e 2017, assumindo na reta final e conseguindo os pontos necessários. Considerando o trabalho no “primeiro semestre”, como agora, tendo Estadual e Nordestão, o treinador teve a grande chance no início de 2017. Em 18 partidas na ocasião, chegou a ter 70,3% de aproveitamento, mas acabou demitido pelo mau rendimento em campo – ou seja, um perfil semelhante ao de Guto, que saiu com 60,4%, também com um futebol sem brilho.

Nos últimos anos, Daniel ganhou mais rodagem, passando por Boa Esporte-MG e Confiança-SE, se inserindo realmente no mercado. Era um processo necessário para Daniel. Em 2020, retorna com o Sport em outro momento difícil – com o time já eliminado da Copa do Brasil e fora das primeiras posições no PE e NE. O seu trabalho deve ir além da organização tática (e técnica) do time. Passa pela reorganização do elenco. Que ele tenha, de fato, carta branca da direção para os ajustes urgentes. A implantação de um sistema de jogo eficiente precisa acontecer paralelamente ao aproveitamento dos jogadores realmente capacitados.

A primeira declaração ao site oficial do clube
“Desafio gigante, conheço bem a casa. Coloquei o Sport na Sul-Americana quando ninguém mais acreditava e salvei duas vezes do rebaixamento. A gente vai chegar para trabalhar muito no Sport.”

Daniel Paulista como técnico do Sport (2016/2017)
33 jogos
18 vitórias (54,5%)
6 empates (18,1%)
9 derrotas (27,2%)
60,6% dos pontos em todas as passagens

Torcedor rubro-negro, o que você achou da contratação de Daniel Paulista?

Leia mais sobre o assunto
Com autoridade, Náutico vence o Sport no Nordestão e eleva a crise do rival

Análise: Guto Ferreira deixa o Sport com 60% dos pontos e futebol sem brilho


Compartilhe!