Compartilhe!

São Januário é um dos sete estádios brasileiros já confirmados e digitalizados no PES 2021.

Completando 25 anos, a franquia Pro Evolution Soccer não terá um “novo jogo” nesta temporada. O PES 2021 é, na verdade, uma atualização do PES 2020, com novos uniformes, elencos, clubes e um modo exclusivo para esta versão. A explicação da Konami, a produtora, é o foco no desenvolvimento da franquia para a próxima geração de consoles, o Playstation 5 e o Xbox Series X, com previsão de lançamento em meados de 2021.

Então, o “eFootball PES 2021 Season Update”, o nome oficial do game desta temporada, vem focado em licenças, com o Campeonato Brasileiro já confirmado pela CBF. Por sinal, as últimas quatro edições da franquia contaram com o Brasileirão, incluindo imagens oficiais da bola, do troféu e de placas no campo. O primeiro vídeo trouxe sete estádios: Arena Corinthians, Morumbi, São Januário, Vila Belmiro, Arena do Grêmio, Beira-Rio e Mineirão – 2019 havia Maracanã e Allianz Parque, ambos a confirmar.

Pelo segundo ano seguido o game também terá a Série B, totalizando 40 clubes – sendo o 14º ano consecutivo com a presença de times do país. Sendo assim, o PES terá, novamente, dez clubes do Nordeste – em 2019, no ato do lançamento, eram apenas sete, mas Náutico, Confiança e Sampaio entraram na atualização após o acesso na Série C. Até hoje, foram 44 aparições da região, com o Sport sendo o time mais presente – o leão pernambucano, que tem um contrato de exclusividade com a Konami, figura pela 9ª vez seguida.

A “atualização” chega em 15 de setembro, disponível para Playstation 4, Xbox One e PC. Na pré-venda, as edições vão de R$ 179,90 (standard) a R$ 199,90 (clube edition).

Os clubes da Série A no PES 2021
Flamengo, Santos, Palmeiras, Grêmio, Athletico-PR, São Paulo, Internacional, Corinthians, Fortaleza, Goiás, Bahia, Vasco, Atlético-MG, Fluminense, Botafogo, Ceará, Red Bull Bragantino, Sport, Coritiba e Atlético-GO.

Os clubes da Série B no PES 2021
América-MG, Paraná, CRB, Cuiabá, Botafogo-SP, Operário-PR, Ponte Preta, Vitória, Guarani, Brasil-RS, Oeste, Figueirense, Cruzeiro, CSA, Chapecoense, Avaí, Náutico, Sampaio Corrêa, Confiança e Juventude.

Nº de clubes brasileiros licenciados no PES (e os nordestinos presentes)
2008 – 1 time
2009 – 1 time
2010 – 1 time
2011 – 5 times
2012 – 6 times
2013 – 20 times (3 do NE; Bahia, Náutico e Sport)
2014 – 24 times (4 do NE; Bahia, Náutico, Sport e Vitória)
2015 – 21 times (4 do NE; Bahia, Náutico, Sport e Vitória)
2016 – 24 times (3 do NE; Bahia, Sport e Vitória)
2017 – 20 times (3 do NE; Santa Cruz, Sport e Vitória)
2018 – 22 times (3 do NE; Sport, Vitória e Bahia)
2019 – 20 times (4 do NE; Bahia, Ceará, Sport e Vitória)
2020 – 40 times (10 do NE*)
2021 – 40 times (10 do NE*)
* Bahia, Ceará, Confiança, CRB, CSA, Fortaleza, Náutico, Sampaio Corrêa, Sport e Vitória

Nº de presenças oficiais no PES: 9x Sport; 8x Bahia e Vitória; 5x Náutico, 3x Ceará; 2x Confiança, CRB, CSA, Fortaleza e Sampaio Corrêa; 1x Santa Cruz

A seguir, assista ao trailer do Pro Evolution Soccer 2021 focando na licença do Brasileirão.

Leia mais sobre o assunto
O primeiro trailer do game Fifa 21, a versão pioneira para o Playstation 5


Compartilhe!