Compartilhe!

Retrô (3) 1 x 1 (5) Náutico no Sub 20 de 2021

A festa no Arruda, com refletores apagados após a conquista. Foto: Tiago Caldas/Náutico.

Parece filme repetido, mas ocorreu foi por outra categoria. Mais uma vez, Náutico e Retrô decidiram o título pernambucano nos pênaltis e mais vez deu timbu. Há quatro dias, pelo profissional de 2022. Hoje, pelo torneio de juniores de 2021. Isso mesmo. O Sub 20 foi o último do calendário da FPF referente ao ano passado.

Embora tenha começado em 14 de agosto, acabou paralisado por causa de um impasse judicial com o Santa, que ganhou a causa e participou da semifinal. Portanto, só agora, em 4 de maio, foi definido o representante local na Copa do Brasil Sub 20 de 2022. Vaga para os alvirrubros, com o bicampeonato na categoria. Ambos os anos em cima do clube-empresa de Camaragibe, que segue buscando o seu primeiro título.

Em 2020, a situação foi facilitada porque a fênix foi punida por escalação irregular após o jogo de ida, já vencido pelo timbu. Em “2021”, contudo, a final foi bem mais equilibrada. Aliás, haja equilíbrio entre essas equipes. Foram quatro empates em quatro jogos na competição, que contou com 12 times. O Retrô terminou invicto, com 6V, 7E e 0D, mas foi insuficiente para levar a taça. Após o 1 x 1 no tempo normal, com a decisão em jogo único no Arruda, o Náutico fez 5 x 3 nas penalidades, com festa no campo e provocação nas redes sociais. E o tempo para festejar ou lamentar será curtinho, pois a edição de 2022 deve começar ainda neste mês, com a final em setembro, segundo a federação. No caso, o Náutico almeja o inédito tri nos juniores.

O 100º título oficial do Náutico em Pernambuco

A nova conquista do campeonato júnior resultou numa marca emblemática para o clube de Rosa e Silva, que agora soma 100 títulos considerando as competições oficiais de âmbito estadual organizadas pela FPF. No caso, somando todas as categorias, incluindo disputas já descontinuadas. São 24 títulos da Série A1, 14 do Torneio Início, 1 da Copa Pernambuco, 18 dos Aspirantes, 25 do Sub 20, 10 do Sub 17, 4 do Sub 15 e mais 4 do campeonato feminino. Agora, neste recorte, o timbu está a 6 taças do Santa Cruz e a 45 do Sport.

Time-base do Náutico no PE Sub 20
Bruno; Gustavo, Bruno, Marcelo e Jhon; Caue, Luis Felipe e Felipe Cabeleira; Leonardo, Kauan Muniz e Neto. Técnico: Gabriel Lisboa

Campanha do Náutico em 13 jogos
6 vitórias
6 empates
1 derrota
30 gols marcados
13 gols sofridos
Artilheiro do time: Leonardo (6)

Os 25 títulos do timbu no Sub 20: 1923, 1926, 1928, 1930, 1944, 1945 (bi), 1948, 1952, 1958, 1965, 1967, 1969, 1970 (bi), 1975, 1980, 1981 (bi), 1987, 1989, 2005, 2007, 2009, 2012, 2013 (bi), 2020 e 2021 (bi)

Ranking de títulos pernambucanos na categoria Sub 20* (e o último título)
1º) 37 vezes – Sport (2019)
2º) 28 vezes – Santa Cruz (2003)
3º) 25 vezes – Náutico (2021)
4º) 4 vezes – Porto (2018)
5º) 3 vezes – Torre (1922)
6º) 1 vez – América (1931), Íbis (1946) e Central (1983)
* Com os nomes de “terceiros quadros” (1920-1930), “juvenil” (1931-1978) e “júnior” (1979-2021)

Abaixo, assista ao gol de Júlio, que encerrou a disputa de pênaltis, num vídeo do Náutico no Twitter.


Compartilhe!