Compartilhe!

Fifa/Getty Image

Com mais dificuldade do que se esperava, a Suécia exerceu o favoritismo sobre a Coreia do Sul e venceu por 1 x 0. O único gol assinalado em Nizhny Novgorod saiu aos 20 minutos do segundo tempo, com o zagueiro Granqvist cobrando pênalti.

O lance é uma síntese da partida, a mais faltosa do Mundial de 2018 até o momento. E a falta dentro da grande área foi absurda – a ponto de causar surpresa a necessidade do árbitro de vídeo para efetivar a marcação. Esta foi a 12ª partida na Rússia, sendo a primeira a passar de 40 faltas. De fato, saiu bastante da curva, chegando a 43, com quase um infração a cada dois minutos – com o jogo paralisado a todo momento.

À parte do baixo nível técnico apresentado no segundo jogo do grupo F, o resultado colocou uma pressão incrível na Alemanha, obrigada a vencer os suecos na próxima rodada. Pelo número de faltas cometidas pelo time azul e amarelo, e com o empate bem favorável, os germânicos não deverão ter sossego para jogar bola…

Os jogos com mais faltas na Copa de 2018 (até 18/06)
43 – Suécia 1 x 0 Coreia do Sul (20 x 23)
36 – Croácia 2 x 0 Nigéria (20 x 16)
34 – França 2 x 1 Austrália (15 x 19)
33 – Sérvia 1 x 0 Costa Rica (15 x 18)
32 – Rússia 5 x 0 Arábia Saudita (22 x 10)
32 – Irã 1 x 0 Marrocos (12 x 20)
31 – Brasil 1 x 1 Suíça (12 x 19)
28 – Dinamarca 1 x 0 Peru (18 x 10)
25 – Argentina 1 x 1 Islândia (10 x 15)
25 – México 1 x 0 Alemanha (15 x 10)
22 – Portugal 3 x 3 Espanha (12 x 10)
17 – Uruguai 1 x 0 Egito (6 x 11)

Fifa/Getty Image


Compartilhe!