Compartilhe!

Kieza marcou um gol e deu uma assistência, mas o time não venceu. Foto: Caio Falcão/Náutico.

Numa bola levantada na área, o Avaí ganhou duas vezes de cabeça e o zagueiro Alan Costa conseguiu aproveitar. Foi o terceiro gol do defensor na Série B, definindo o empate em 2 x 2 nos Aflitos. Nos acréscimos, impôs ao Náutico outra frustração, mantendo a espiral negativa do time pernambucano. Afinal, o alvirrubro havia virado no segundo tempo com Kieza (aos 9) e Paiva (aos 39).

Embora Gilson Kleina tenha cedido sobre a escalação, abrindo mão dos três atacantes (uma necessidade já datada), a equipe acabou falhando novamente na reta final, já aos 47. Trata-se de algo repetido nesta edição do Brasileiro, sinalizando uma falta de concentração (e confiança) do Náutico nos últimos minutos. Em casa, já com dez jogos, esta foi a 4ª vez que o timbu cedeu o empate depois dos 40 minutos da etapa complementar. Foi assim contra CRB, Chape, Cruzeiro e Avaí – e esses foram os últimos dois jogos em casa. Ou seja, oito pontos desperdiçados.

Ao todo, o Náutico tem apenas duas vitórias no Eládio de Barros Carvalho, numa performance muito abaixo do seu histórico, muito abaixo do aceitável para um competição disputada (e batalhada) como essa. Não por acaso, o alvirrubro está na zona de rebaixamento – pela primeira vez em rodadas seguidas (com as rodadas 1, 3, 19 e 20). Não tem como aliviar. O momento do Náutico já é de alerta máximo, mesmo ainda na largada do returno. Nos últimos dez jogos na segundona, o time tem 1V, 4E e 5D. E o único resultado positivo foi sobre o Oeste, o lanterna virtualmente rebaixado. Pra completar, o Náutico parte agora para três jogos fora de casa, contra Operário-PR (13/11), Sampaio Corrêa-MA (17/11) e CRB-AL (21/11). Bronca.

Jogos nos Aflitos com o Náutico cedendo o empate no fim do 2º tempo
15/08 (3ª rodada) – Náutico 1 x 1 CRB (44 minutos)
18/09 (10ª rodada) – Náutico 1 x 1 Chapecoense (49 minutos)
25/10 (18ª rodada) – Náutico 1 x 1 Cruzeiro (41 minutos)
06/11 (20ª rodada) – Náutico 2 x 2 Avaí (47 minutos)

Náutico em 20 rodadas na Série B de 2020*
Mandante (10 jogos, 12 pts e 40.0%): 2V, 6E e 2D
Visitante (9 jogos, 8 pts e 29.6%): 2V, 2E e 5D
* O time tem um jogo a menos

Escalação do Náutico
Jefferson, Yago Rocha (Hereda), Ronaldo Alves, Rafael Ribeiro e Willians Simões; Jhonnatan (Paiva), Rhaldney (Djavan), Jorge Henrique (Álvaro) e Marcos Vinícius (Jean Carlos); Kieza e Vinícius. Técnico: Gilson Kleina

Escalação do Avaí
Lucas Frigeri; Iury (Felipe Santos), Betão, Alan Costa e João Lucas (Zé Marcos); Jean, Leandrinho (Ralf) e Pedro Castro (Vinícius Jaú); Romulo, Ronaldo Slva e Jonathan (Valdívia). Técnico: Geninho

Histórico geral de Náutico x Avaí (todos os mandos)
16 jogos
5 vitórias alvirrubras (31,2%)
3 empates (18,7%)
8 vitórias catarinenses (50,0%)

A análise do Podcast 45 Minutos (Celso Ishigami, João de Andrade e Rodolpho Moreira):

Abaixo, assista aos gols da partida, através do perfil oficial da Série B no Twitter.


Compartilhe!