Compartilhe!

A participação pernambucana na 2ª edição do Campeonato Brasileiro de Aspirantes acabou logo na primeira fase. Após a realização de oito rodadas, Sport e Santa Cruz, estreantes na modalidade, não alcançaram o G4 em seus respectivos grupos.

Na disputa nacional, com times Sub 23, podendo utilizar até três jogadores sem limite de idade, os rivais da capital se preparam de maneiras bem distintas, inclusive em relação à possibilidade de “rodagem” do elenco principal – afinal, havia o caráter preparatório.

Ainda não há garantia sobre a continuidade do torneio, pois o Esporte Interativo, que vinha exibindo os jogos, encerrou o seu canal. Caso o Brasileiro de Aspirantes seja mantido e os times locais sigam demonstrando interesse, vale prestar atenção nos vacilos estruturais em 2018, bem além do rendimento em campo…

Seguiram para a 2ª fase: América-MG (19 pontos), São Paulo (18), Vitória (17), Atlético-PR (15), Coritiba (14), Santos (11), Internacional (10) e Chapecoense (10)

Grupo A // Sport

Alceu Atherino/Avaí F.C.

A participação do Sport teve algumas nuances bem curiosas, como a montagem da equipe, às pressas, com alguns nomes chegando faltando poucos dias para a competição. O técnico Júnior Câmara se queixou, como não poderia deixar de ser, da preparação física, além do entrosamento. Em campo, o time só foi marcar o seu primeiro gol na 6ª rodada – foram apenas 4 gols, sendo 2 de Marlon (atacante, 20), 1 de Hygor (atacante, 26) e 1 de Fábio (lateral, 21). Ao menos a defesa se portou bem, tomando apenas 6 gols na competição.

No geral, uma campanha sem brilho, com cinco empates (quatro deles em 0 x 0). A consequência foi a eliminação precoce. O que também chamou a atenção foi o fato de somente a última rodada ter servido como teste efetivo para jogadores pouco utilizados no time principal. No caso, a pedido de Eduardo Baptista, cinco atletas do elenco de cima atuaram em Santa Catarina: Nonoca (volante), Mateus Gonçalves (atacante), Pablo Pardal (meia), Evandro (lateral) e Adryelson (zagueiro). Antes deles, apenas Jean (lateral-esquerdo) e Hygor, já liberado para o Juventude.

7º lugar no grupo A e 12º lugar no geral

A campanha rubro-negra (enfrentou os times do grupo B)
1ª) Sport 0 x 0 Santa Cruz (07/06, Ilha do Retiro)
2ª) Internacional 1 x 0 Sport (30/06, Beira-Rio)
3ª) Sport 0 x 0 Bahia (09/07, Arena PE)
4ª) Coritiba 2 x 0 Sport (12/07, Couto Pereira)
5ª) Chapecoense 0 x 0 Sport (23/07, Arena Condá)
6ª) Sport 3 x 2 Figueirense (01/08, Arena PE)
7ª) Sport 0 x 0 Santos (13/08, Arena PE)
8ª) Avaí 1 x 1 Sport (23/08, Ressacada)

Grupo B // Santa Cruz

Santa Cruz/twitter (@santacruzfc)

Entre os 16 participantes, foram 10 clubes da Série A, 5 da B e 1 da C. No caso, o Santa Cruz, que fez a sua estreia na categoria. Apesar do investimento menor, sendo a divisão nacional um dos motivos, o clube acabou tendo uma campanha irregular. Ainda assim, ficou atrás da dupla de Florianópolis. Entre os jogadores sem limite de idade, o principal nome utilizado foi o do goleiro Ricardo Ernesto, de 31 anos. Ele atuou em quatro partidas, incluindo o Clássico das Multidões na primeira rodada. Embora a defesa coral tenha sido a terceira mais vazada, com 14 gols (média de 1,75), Ernesto sofreu apenas 3 (média particular de 0,75).

Com a má fase de Machowski, acabou ganhando a titularidade no time principal – com quatro jogos seguidos sem tomar gol na Série C. Destaque também para o atacante Jonathan, de 24 anos, que chegou no começo do ano, ainda com o técnico Júnior Rocha. Marcou 2 gols na competições. Os demais foram anotados por Elias (zagueiro,18), José (lateral, 22) e Jeremias (meia, 20), outro nome com passagem na equipe principal. Em relação à classificação, o time ainda chegou com chance remota na última rodada, mas acabou a 5 pontos do G4.

6º lugar no grupo B e 13º lugar no geral

A campanha tricolor (enfrentou os times do grupo A)
1ª) Sport 0 x 0 Santa Cruz (07/06, Ilha do Retiro)
2ª) Santa Cruz 1 x 1 Atlético-GO (19/06, Arruda)
3ª) Sana Cruz 0 x 2 São Paulo (05/07, Arruda)
4ª) América-MG 4 x 2 Santa Cruz (18/07, Independência)
5ª) Santa Cruz 1 x 0 Grêmio (24/07, Arruda)
6ª) Goiás 2 x 1 Santa Cruz (02/08, Olímpico)
7ª) Atlético-PR 3 x 0 Santa Cruz (16/08, Arena da Baixada)
8ª) Santa Cruz 0 x 2 Vitória (23/08, Arruda)


Compartilhe!