Compartilhe!
  •  
  • 22
  •  
  •  

O ranking com as 50 maiores bases digitais no futebol brasileiro. O seu clube está presente?

O Ibope-Repucom publicou a atualização das bases digitais dos principais clubes do país, somando os perfis oficiais nas redes sociais mais utilizadas no futebol até março de 2020 – facebook, twitter, instagram e youtube. Dos 50 times analisados, 14 nordestinos.

No cenário regional, o Sport mantém a duradora liderança, mas o Bahia segue diminuindo a diferença sistematicamente, agora de 51 mil para 40 mil – em 21 meses, foi a 19ª aproximação do tricolor. E agora trata-se de uma defesa do 14º lugar nacional, pois o Botafogo, o 13º, desgarrou. Após Honda, o clube carioca conseguiu 50 mil adesões, ampliando a distância ao leão de 5 mil para 49 mil.

Voltando ao Nordeste, a disputa pelo pódio também está acirrada. Hoje, o Vitória (3º) tem dois times no retrovisor, com a aproximação de Fortaleza (a 53 mil) e Ceará (a 85 mil). Neste mês, o leão baiano ficou à frente do vozão, mas viu o leão do pici tirar 15 mil de diferença!

Pelo critério adotado pelo instituto, o levantamento soma os 20 times presentes na Série A deste ano e os 30 com as maiores bases digitais nas demais divisões, ou mesmo aqueles sem participação no Campeonato Brasileiro de 2020. No topo da lista combinada, o Flamengo segue abrindo vantagem, passando de 28,7 mi para 29,5 milhões em um mês – o atual campeão do Brasileirão e da Libertadores já abriu 6,3 milhões sobre o Corinthians. A seguir, os cinco quadros sobre o Nordeste, com as respectivas evoluções mensais e as observações do blog sobre os novos dados, contabilizados pela equipe do Ibope até o dia 28 de fevereiro.

Obs 1. O asterisco (*) corresponde à maior evolução no último mês.

Obs 2. Uma pessoa pode ter contas em diferentes plataformas, com a lista contando cada uma delas. E também pode, em tese, seguir perfis rivais, também contabilizados nas listas.

1) Soma das quatro redes quantificadas
No último mês, todos os nordestinos presentes registraram crescimento superior a 1 mil, com quatro times passando de 10 mil. Destaque para o Fortaleza, em boa fase no campo e há tempos evoluindo acima da média no ranking digital. Em relação à “classificação”, nenhuma mudança.

1º) 3.322.884 – Sport (+5.342)
2º) 3.282.283 – Bahia (+15.815)
3º) 1.932.865 – Vitória (+11.918)
4º) 1.879.763 – Fortaleza (+27.179)*
5º) 1.847.226 – Ceará (+10.207)
6º) 1.085.709 – Santa Cruz (+6.917)
7º) 488.435 – Náutico (+3.679)
8º) 480.709 – Íbis (+1.369)
9º) 462.733 – ABC (+4.381)
10º) 457.978 – América-RN (+3.093)
11º) 425.354 – CSA (+3.195)
12º) 377.397 – CRB (+3.853)
13º) 296.635 – Sampaio Corrêa (+1.323)
14º) 233.361 – Botafogo-PB (+7.108)

2) Facebook
A rede de Mark Zuckerberg teve o seu pior desempenho em relação à base de seguidores dos principais clubes nordestinos – desde que comecei a acompanhar o cenário levantado pelo Ibope. Dos 14 times listados, 11 registraram decréscimo. As exceções fora Vitória (2,6 mil), Fortaleza (1,6 mil) e Botafogo-PB (170).

1º) 1.121.514 – Bahia (-1.048)
2º) 1.064.811 – Sport (-1.840)
3º) 919.524 – Fortaleza (+1.696)
4º) 857.183 – Ceará (-652)
5º) 554.090 – Santa Cruz (-902)
6º) 471.208 – Vitória (+2.611)*
7º) 238.518 – América-RN (-298)
8º) 221.227 – ABC (-187)
9º) 212.674 – Náutico (-191)
10º) 158.300 – CSA (-64)
11º) 156.926 – Sampaio Corrêa (-227)
12º) 143.950 – CRB (-47)
13º) 141.897 – Íbis (-317)
14º) 89.965 – Botafogo-PB (+170)

3) Twitter
Conforme pesquisa do próprio Ibope, o Twitter é a rede mais utilizada pelos brasileiros para debater futebol. Daí, o recorrente crescimento geral, como neste mês – algo só modificado quando o microblog faz varreduras em perfis inativos. Dos 14 nordestinos presentes, 6 conseguiram mais de 1 mil novos seguidores – nesta rede, a evolução mensal já vem num ritmo menor.

1º) 1.574.888 – Sport (+443)
2º) 1.441.227 – Bahia (+2.878)
3º) 1.138.436 – Vitória (+651)
4º) 315.700 – Ceará (+2.163)
5º) 261.434 – Fortaleza (+3.895)*
6º) 239.757 – Santa Cruz (+1.217)
7º) 206.398 – Íbis (+2.351)
8º) 143.259 – Náutico (+1.080)
9º) 122.277 – ABC (+323)
10º) 98.851 – América-RN (+393)
11º) 81.028 – CRB (+378)
12º) 43.946 – CSA (+558)
13º) 32.738 – Botafogo-PB (+318)
14º) 11.782 – Sampaio Corrêa (+264)

4) Instagram
Há cerca de dois anos insta é a rede de maior crescimento. À parte do Íbis, que surpreendentemente regrediu pela 3ª vez seguida, os demais nordestinos tiveram aumento acima de 1,1 mil. A única mudança na tabela foi a entrada do Fortaleza no pódio, tirando o Sport – consequência da enorme disparidade na evolução mensal, 18 mil x 5 mil. Vale destacar ainda que o Bahia passou de 600 mil, sendo o 1º do NE a alcançar o patamar.

1º) 605.542 – Bahia (+11.985)
2º) 594.343 – Ceará (+7.896)
3º) 591.805 – Fortaleza (+18.588)*
4º) 580.185 – Sport (+5.739)
5º) 288.021 – Vitória (+7.856)
6º) 238.462 – Santa Cruz (+5.802)
7º) 202.308 – CSA (+2.501)
8º) 138.119 – CRB (+3.222)
9º) 132.414 – Íbis (-665)
10º) 121.302 – Náutico (+2.490)
11º) 118.627 – Sampaio Corrêa (+1.196)
12º) 103.829 – ABC (+3.045)
13º) 96.309 – América-RN (+1.798)
14º) 88.858 – Botafogo-PB (+4.620)

5) Youtube
Todos os clubes presentes cresceram na rede de compartilhamento de vídeos. Já acima de 100 mil inscritos, Bahia, Fortaleza e Sport estão separados por 11 mil. Nesta atualização, o Botafogo de João Pessoa ultrapassou o CSA, figurando agora em 8º – não por acaso, lidera o seu grupo na Copa do Nordeste. Ainda sobre a lista do Ibope, é preciso pontuar que o Íbis aparece sem canal, embora já tenha um perfil oficial (com 3.580 pessoas).

1º) 114.000 – Bahia (+2.000)
2º) 107.000 – Fortaleza (+3.000)*
3º) 103.000 – Sport (+1.000)
4º) 80.000 – Ceará (+800)
5º) 53.400 – Santa Cruz (+800)
6º) 35.200 – Vitória (+800)
7º) 24.300 – América-RN (+1.200)
8º) 21.800 – Botafogo-PB (+2.000)
9º) 20.800 – CSA (+200)
10º) 15.400 – ABC (+1.200)
11º) 14.300 – CRB (+300)
12º) 11.200 – Náutico (+300)
13º) 9.300 – Sampaio Corrêa (+90)


Compartilhe!
  •  
  • 22
  •  
  •