Anúncio da Betnacional
Compartilhe!

Ypiranga e Ipojuca subiram na Série A3 de 2023

Ypiranga campeão e Ipojuca vice. Fotos: Daniel Xavier/Ypiranga e Ivson Nascimento/Ipojuca.

A última rodada da Série A3 reservou uma reviravolta na tabela. Até então na liderança isolada, a Cabense folgou no sábado, tendo que secar Ypiranga e Ipojuca para confirmar o acesso. Bastava um tropeço dos dois. Porém, o Ypiranga venceu o Santa Fé por 1 x 0, no Limeirão, com João Paulo marcando o gol do título aos 51 minutos do 2º tempo, enquanto o Ipojuca goleou o Barreiros por 5 x 0, no Antônio Dourado, e ultrapassou o time do Cabo no saldo de gols, pegando a segunda vaga. De volta ao calendário oficial de Pernambuco após 21 anos, a Terceirona teve apenas 21 jogos, espalhados em sete rodadas.

Com 85 anos de história, sendo um dos clubes mais tradicionais do interior, o Ypiranga conquistou o seu terceiro título profissional oficial em PE – assista ao gol decisivo abaixo. O último havia sido há quase duas décadas! A Máquina de Costura já havia faturado a Copa Pernambuco de 1994, na estreia do torneio, e a Série A2 do Estadual de 2004. Na A1, o representante de Santa Cruz do Capibaribe soma 15 participações, tendo como melhor resultado a 3ª colocação em 2006. Já o Ipojuca, fundado em 2006, volta à segunda divisão, onde vinha sendo figura comum desde 2012. Neste caso, a A1 ainda é um objetivo inédito.

A classificação final da Série A3 do Pernambucano 2023
1º) Ypiranga, 15 pontos (6 jogos; 5V, 0E e 1D; 10 GP e 2 GC; +8)
2º) Ipojuca, 13 pontos (6 jogos; 4V, 1E e 1D; 13 GP e 2 GC; +11)
3º) Cabense, 13 pontos (6 jogos; 4V, 1E e 1D; 12 GP e 5 GC; +7)
4º) Santa Fé, 7 pontos (6 jogos; 2V, 1E e 3D; 6 GP e 9 GC; -3)
5º) Barreiros, 5 pontos (6 jogos; 1V, 2E e 3D; 4 GP e 13 GC; -9)
6º) Serrano, 4 pontos (6 jogos; 1V, 1E e 4D; 3 GP e 10 GC; -7)
7º) Águia, 3 pontos (6 jogos; 1V, 0E e 5D; 3 GP e 10 GC; -7)

Ajustes nas três divisões estaduais de 2024

Com o encerramento da temporada, está definida a composição de todos os filiados da FPF em 2024. A “pirâmide” do Campeonato Pernambucano conta com 28 clubes. Neste ano foram 13 times na A1, 12 na A2 e 7 na A3. Na elite, foram quatro rebaixamentos e apenas um acesso. Já a segunda divisão promoveu um clube e rebaixou três, enquanto a terceira divisão promoveu dois. Com esses ajustes, agora serão 10 times na A1, 10 na A2 e 8 na A3. Na verdade, a última divisão é “aberta”, podendo ter mais clubes dependendo do interesse dos licenciados e do cumprimento das normas burocráticas. Hoje, são dez clubes sem divisão.

Outro ponto interessante é que acabou o rebaixamento da A1 para A2 no mesmo ano, como foi o caso do Afogados, que caiu e subiu em 2023. O conselho técnico da divisão principal, em 13 de novembro, confirmou que serão dois rebaixados no Pernambucano 2024, que terão que jogar a Série A2 em 2025. A tendência é que a A2 promova dois times e rebaixe dois times para A3, que teria, consequentemente, dois acessos. Abaixo, veja a lista completa.

Leia mais sobre o assunto
Pernambucano 2024 tem redução de clubes, mata-mata maior e transmissão na Globo

O ranking de pontos do Campeonato Pernambucano, com 68 clubes de 1915 a 2023

A seguir, confira as divisões dos 28 clubes no Campeonato Pernambucano de 2024. Entre parênteses, a origem de cada um no PE 2023. Já entre os 10 nomes licenciados o ano se refere à ultima participação oficial. Belo Jardim e Caruaru City, por exemplo, jogaram a A1 em 2023, mas foram rebaixados e não quiseram jogar a A2 no mesmo ano.

10 clubes na Série A1

Sport (1º na A1), Retrô (2º na A1), Petrolina (3º na A1), Salgueiro (4º na A1), Náutico (5º na A1), Santa Cruz (6 na A1º), Central (7º na A1), Porto (8º na A1), Maguary (9º na A1) e Afogados (1º na A2)

10 clubes na Série A2

Vitória (2º na A2), Flamengo de Arcoverde (3º na A2), Decisão (4º na A2), Vera Cruz (5º na A2), Íbis (6º na A2), Torres (7º na A2), Jaguar (8º na A2), Atlético (9º na A2), Ypiranga (1º na A3) e Ipojuca (2º na A3)

8 clubes na Série A3

Centro Limoeirense (10º na A2), 1º de Maio (11º na A3), Ferroviário do Cabo (12º na A2), Cabense (3º na A3) Santa Fé (4º na A3), Barreiros (5º na A3), Serrano (6º na A3) e Águia (7º na A3)

10 clubes licenciados

Belo Jardim (2023), Caruaru City (2023), América (2022), Chã Grande (2022), Pesqueira (2022), Sete de Setembro (2022), Timbaúba (2022), Serra Talhada (2017), Araripina (2015) e Olinda (2015)

Abaixo, veja o gol do título do Ypiranga em 2023, no finzinho da última rodada da A3.


Compartilhe!