Compartilhe!
  •  
  • 12
  •  
  •  

Imagens de confrontos de Pelé contra os nordestinos, realizados entre as décadas de 50 e 70.

No dia do 80º aniversário de Pelé, os clubes do Nordeste celebraram a data com os parabéns ao Rei do Futebol, mesmo com as adversidades (esportivas) provocadas pelo camisa 10 na imensa maioria das vezes em que enfrentou os clubes da região. Ao todo, Pelé marcou 51 gols em jogos contra clubes da região, somando amistosos e competições oficiais – incluindo três decisões da Taça Brasil entre Bahia e Santos.

Neste 23 de outubro de 2020, os clubes utilizaram as redes sociais para homenagear o Rei e, quando possível, relembrar passagens históricas envolvendo o jogador, como a vitória do Ceará sobre o Santos no dia que o craque completou 1.000 jogos pela camisa do peixe. Ou os embates entre o Náutico de Bita e o Santos de Pelé na Taça Brasil, com o próprio Pelé dizendo que o timbu era um dos três melhores que ele já havia enfrentado. As publicações utilizaram hashtag especial do Twitter: #Pele80.

Considerando só o G7, com os três grandes do Recife, os dois de Salvador e os dois de Fortaleza, o histórico aponta 46 jogos contra Pelé – sendo 45 com a camisa do Santos e 1 com a da Seleção Brasileira, num amistoso contra o Bahia em 1969. Foram 9 vitórias nordestinas, 12 empates e 25 derrotas. O aproveitamento do G7 foi de apenas 28,2%. Ah, o Rei fez 34 gols.

Sobre o mosaico de fotos de Pelé contra os nordestinos, vamos à ordem dos registros dos jornais da região (O Povo, Diario de Pernambuco etc). Na 1ª fileira, Vitória (com Osni, em 1972), Fortaleza (no único jogo no Castelão, em 1974), Sport (com Alemão, em 1962) e Ferroviário (na entrega de faixas do título ferrão em 1968). Na 2ª fileira, Náutico (com Bita, nos anos 60), Ceará (jogo 1.000 do Rei pelo Santos, no PV, em 1972; vitória do vozão), Bahia (Nildo evitando o gol 1.000 em 1969) e Santa Cruz (Luciano Veloso, no Brasileirão de 1973; triunfo coral).

Leia mais sobre o assunto
O Rei marcou 5% dos seus 1,2 mil gols em times nordestinos. Faltou 1

E se Pelé (sim, Pelé) tivesse sido contratado pelo Sport? Quase foi história

Abaixo, as mensagens dos clubes do Nordeste presentes nas Séries A, B e C do Campeonato Brasileiro de 2020, seguindo a ordem cronológica das publicações sobre a data especial.

Sampaio Corrêa (08h53)
Sampaio vs Pelé (no Santos): 1 jogo, com 1D (o Rei fez 2 gols)

Bahia (10h27)
Bahia vs Pelé (no Santos e Seleção): 16 jogos, com 2V, 3E e 11D (o Rei fez 16 gols)

Ceará (11h17)
Ceará vs Pelé (no Santos): 3 jogos, com 2V, 1E e 0D (o Rei fez 1 gol)

CRB (11h23)
CRB vs Pelé (no Santos): 1 jogo, com 1D (o Rei fez 2 gols)

Vitória (12h01)
Vitória vs Pelé (no Santos): 4 jogos, com 2V, 0E e 2D (o Rei não fez gol)

Ferroviário (12h17)
Ferrão vs Pelé (no Santos): 1 jogo, com 1E (o Rei não fez gol)

Fortaleza (12h38)
Fortaleza vs Pelé (no Santos): 3 jogos, com 0V, 2E e 1D (o Rei fez 4 gols)

Santa Cruz (13h21)
Santa vs Pelé (no Santos): 7 jogos, com 2V, 1E e 4D (o Rei fez 8 gols)

Sport (14h11)
Sport vs Pelé (no Santos): 6 jogos, com 0V, 3E e 3D (o Rei fez 2 gols)

CSA (15h11)
CSA vs Pelé: sem registro de jogos

Náutico (15h17)
Náutico vs Pelé (no Santos): 7 jogos, com 1V, 2E e 4D (o Rei fez 3 gols)


Compartilhe!
  •  
  • 12
  •  
  •