Compartilhe!

Copa do Nordeste na ESPN e no Fox Sports

A competição regional deve seguir na mesma tevê por assinatura. Foto: ESPN/Twitter.

Em termos contratuais na tevê, a Copa do Nordeste já está garantida até 2025. Embora a CBF ainda não tenha se posicionado publicamente acerca da continuidade do torneio regional, cujo acordo judicial para a realização de dez edições acabou neste ano, a competição já firmou o primeiro contrato de transmissão para o novo período. Valendo para 2023, 2024 e 2025, o Grupo Disney segue com os direitos na tevê fechada.

O conglomerado, dono dos canais Fox Sports e ESPN no país, adquiriu os direitos do Nordestão em 2022, logo após a oficialização da fusão dos canais – antes, vinha passando apenas no Fox Sports. Na ocasião, o blog já trouxe a informação sobre a continuidade. E agora será por mais três anos, em nova apuração. O modelo de exibição segue o mesmo, com um jogo por rodada e todas as partidas a partir da semifinal. A escolha do canal específico caberá à empresa – na última edição, os jogos narrados por João Guilherme passaram na ESPN. A tevê fechada foi o primeiro sinal definido para o pós-2022.

Juntando todos os contratos de televisão, a última edição distribuiu R$ 31,5 milhões em cotas. Apurei que o valor anual da Disney será maior. Porém, o acordo foi firmado com uma cláusula de “nulidade”, caso a CBF realmente risque a disputa do calendário – por força da lei, os clubes podem realizá-la através da Liga do Nordeste. Trata-se apenas de uma garantia, mas sem risco efetivo a esta altura. Em relação à negociação com a tevê aberta, a disputa está quente.

SBT x Globo, de novo

O SBT, através das onze afiliadas na região, passou as últimas cinco copas, divididas em dois contratos. Agora, a liga quer firmar na tevê aberta por um triênio, com a emissora de Sílvio Santos já demonstrando interesse na renovação. Porém, diretores da Globo também vêm conversando com dirigentes da liga. Neste caso, a proposta ainda não foi formalizada pelo canal da Família Marinho, mas a tendência é de valorização através da concorrência – que quase não houve no último acerto. Com patrocinadores nacionais envolvidos, isso pode pesar.

A Globo passou a Lampions pela última vez em 2017, com 4,4 milhões de telespectadores no Recife e em Salvador durante as finais entre Bahia e Sport. Nesta semana, readquiriu os direitos da Taça Libertadores. Ganhou a disputa justamente para o SBT e justamente para 2023. Ou seja, voltou a investir pesado no futebol – até pela necessidade de conteúdo ao vivo na grade. Falando na Liberta, curiosamente o Grupo Disney também adquiriu os direitos.

Histórico de transmissões da Copa do Nordeste (TVs aberta e fechada)
2013/2017 – Globo (aberta) e Esporte Interativo (fechada)
2018 – SBT (aberta) e Esporte Interativo (fechada)
2019/2021 – SBT (aberta) e Fox Sports (TV fechada)
2022 – SBT (aberta) e ESPN (fechada)
2023/2025 – A definir na TV aberta; ESPN (fechada) e/ou Fox (fechada)

Os 36 clubes garantidos no Nordestão 2023

Mesmo antes da oficialização sobre a continuidade da Copa do Nordeste, tanto por parte da CBF quanto dos novos contratos, o perfil da Copa do Nordeste já vinha desenvolvendo normalmente nas redes a divulgação oficial dos classificados ao torneio de 2023, sobretudo à fase principal, com 16 participantes. Mantendo o formato, serão 24 clubes na fase preliminar (como Santa Cruz e Vitória), numa disputa mata-mata para classificar 4 times à fase de grupos, com 12 pré-classificados (como Bahia, Ceará, Fortaleza, Náutico e Sport).

Classificados à fase de grupos (11 de 12)
ABC (RN), Atlético (BA), Bahia (BA), Ceará (CE), CRB (AL), Fluminense (PI) Fortaleza (CE), Náutico (PE), Sampaio Corrêa (MA), Sergipe (SE) e Sport (PE)

Classificados à 2ª fase da preliminar (7 de 8)
América (RN), Confiança (SE), CSA (AL), Ferroviário (CE), Juazeirense (BA), Santa Cruz (PE) e Vitória (BA)

Classificados à 1ª fase da preliminar (15 de 16)
4 de Julho (PI), Altos (PI), ASA (AL), Bahia de Feira (BA), Caucaia (CE), Cordino (MA), Falcon (SE), Floresta (CE), Globo (RN), Imperatriz (MA), Moto Club (MA), Parnahyba (PI), Retrô (PE), Salgueiro (PE) e Treze (PB)

Fase de entrada a definir (3)
Botafogo (PB), Campinense (PB) e Jacuipense (BA) completam a lista de 36 clubes, mas a definição da fase do trio depende da final do Campeonato Paraibano. Quem vencer, entre Belo e Raposa, vai à fase de grupos. Se der Botafogo, o Jacuipense fica na 2ª preliminar e o Campinense na 1ª. Se der Campinense, o Botafogo fica na 2ª preliminar e o Jacuipense na 1ª.

Leia mais sobre o assunto
Invicto, o Fortaleza confirmou o favoritismo sobre o Sport e tornou-se bi do Nordestão


Compartilhe!