Compartilhe!

Lucas Moraes/Ceara SC

Em 17 de dezembro de 1918, no antigo Campo do Prado, Walter Barroso e Enoch marcaram os gols do Ceará sobre o Fortaleza, na final da então liga metropolitana cearense de futebol. Ali, ainda numa época amadora, começava a história de uma das maiores rivalidades do país, que completa um século vivendo um de seus maiores momentos, com profissionalismo.

Hoje conhecido como Clássico-Rei e acomodado numa arena de 60 mil lugares (costumeiramente cheia), o duelo está garantido no Campeonato Brasileiro. Em 2019 volta a acontecer na elite depois de 26 anos.

Só o fim deste jejum já ilustra a situação, estabelecida após a incrível recuperação do vozão, que se manteve na Série A, e com o inédito título da Série B obtido pelo leão do pici. Ascendentes, tanto em divisão, quanto em orçamento e prestígio, os rivais mantêm uma polarização interessante, na qual ambos saem ganhando. Segundo a pesquisa mais recente do Ibope, os dois clubes somam 3,2 milhões de torcedores. A toda esta gente, parabéns!

Curiosidades
– O Clássico-Rei é o 6º da região a completar 100 anos. No país, é o 16º entre os mais tradicionais
– Com a data, o estado do Ceará torna-se o 4º do NE a ter um clássico tradicional com 100 anos
– Ao todo, os clubes decidiram 35 edições do Estadual, com 18 títulos do Fortaleza e 17 do Ceará
– O Fortaleza aplicou a maior goleada, com um 8 x 0 em 1927. O Ceará fez 7 x 0 em 1955
– O maior público fio registrado em 11 de novembro de 1973, com 70 mil pessoas. Em campo, 0 x 0

Retrospecto geral
569 jogos
194 vitórias do Ceará
202 empates
173 vitórias do Fortaleza

Retrospecto na Série A
9 jogos
4 vitórias do Ceará
4 empates
1 vitória do Fortaleza

Os clássicos estaduais centenários do Nordeste
1º) PE – Clássico dos Clássicos (Náutico 3 x 1 Sport), 25/07/1909
2º) RN – Clássico Rei (ABC 4 x 0 América), 26/09/1915
3º) PE – Clássico das Multidões (Sport 2 x 0 Santa Cruz), 06/05/1916
4º) AL – Clássico das Multidões (CSA 1 x 0 CRB), 07/09/1916
5º) PE – Clássico das Emoções (Santa Cruz 3 x 0 Náutico), 29/06/1917
6º) CE – Clássico-Rei (Ceará 2 x 0 Fortaleza), 17/12/1918

Os próximos clássicos estaduais centenários do Nordeste…
7º) BA – Ba-Vi (Bahia 3 x 0 Vitória), 10/04/1932
8º) MA – Samará (Sampaio Corrêa 5 x 1 Maranhão), 18/06/1933
9º) CE – Clássico das Cores (Fortaleza 2 x 0 Ferroviário), 19/06/1938
10º) CE – Clássico da Paz (Ceará 4 x 3 Ferroviário), 02/07/1939
11º) PB – Clássico Tradição (Treze 8 x 1 Botafogo), 20/08/1939
12º) MA – Maremoto (Maranhão 2 x 1 Moto Club), 09/04/1940
13º) MA – Superclássico (Sampaio Corrêa 7 x 2 Moto Club), 14/07/1940
14º) PI – Rivengo (Flamengo 0 x 0 River), 24/04/1948
15º) SE – Derby Sergipano (Confiança 2 x 1 Sergipe), 25/03/1951
16º) PB – Clássico dos Maiorais (Treze 3 x 0 Campinense), 27/11/1955
17º) PB – Clássico Emoção (Campinense 5 x 0 Botafogo), 23/10/1960

Veja a lista com os 29 clássicos mais antigos do Brasil (e os recordes de público) clicando aqui.

Lucas Moraes/Ceara SC


Compartilhe!