Compartilhe!

O Retrô segue com a Icone, a mesma fabricante de seu primeiro ano de atividade profissional.

O caçula do futebol pernambucano apresentou os seus dois uniformes para a temporada 2020, que marca a sua estreia na primeira divisão local. O clube apostou, literalmente, num modelo retrô, cuja gola com cadarço é o principal expoente. Os dois padrões (abaixo) têm o mesmo design, variando a ordem das cores do clube, azul e amarelo. Ou seja, camisa azul e calção amarelo no modelo I e camisa amarela e calção azul no modelo II.

Vale lembrar que o Retrô FC larga num contexto muito acima do histórico dos clubes intermediários, tanto em estrutura, tendo um CT com 6 campos (2 oficiais), quanto em elenco, com uma folha de R$ 400 mil. Este valor está relativamente próximo ao Santa (-50 mil) e ao Náutico (-100 mil). E olhe que ainda há uma promessa de R$ 1 milhão em premiação em caso de título estadual – o último campeão à parte do trio de ferro foi o América, em 1944. Em quatro anos, o clube almeja a participação na Série B do Brasileiro.

Obs. O clube-empresa de Camaragibe, criado em 2016, vai mandar os seus jogos na Arena PE.

O que você achou dos novos uniformes do Retrô? E das metas estabelecidas pelo clube?

Uniforme I (predominância azul)

Uniforme II (predominância amarela)

Leia mais sobre o assunto
O surgimento do Retrô FC em Pernambuco, com a profissionalização em 2019

A tabela do Campeonato Pernambucano de 2020, com a grade de televisão


Compartilhe!