Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

Os dez times da região com mais classificações obtidas em toda a história da copa nacional.

Em 32 anos de história, de 1989 a 2020, a Copa do Brasil já teve a participação de 89 clubes nordestinos, dos nove estados, da capital e do interior. Destes, 45 já avançaram no mata-mata. Alguns foram longe, com doze chegando às quartas de final, quatro à semifinal e três à final. Como ponto alto, o título obtido pelo Sport em 2008, eliminando Imperatriz, Brasiliense, Palmeiras, Internacional, Vasco e Corinthians. Venceu todos os jogos na Ilha e obteve a sua segunda estrela dourada.

E esta publicação trata exatamente disso, do desempenho em relação às classificações, à parte da fase, seja na primeira, em jogo único desde 2017, ou na decisão, em ida e volta. Nesta abordagem, o Vitória é o time da região de maior sucesso no tornei, com 55 classificações. É, também, o clube da região que mais disputou duelos, mas com um ótimo aproveitamento, de 63% – embora ainda esteja abaixo, neste dado, do Santa Rita de Alagoas, com incríveis 75%.

Observações após a edição de 2020
– O Ceará chegou até as quartas de final e tirou o Sport do pódio; o leão caiu logo na 1ª fase
– O CRB avançou em três mata-matas e ganhou duas posições no ranking; entrou no top ten
– Dos 20 times, 6 não jogaram em 2020: ASA, Treze, Salgueiro, Ferroviário, Flamengo e Confiança

Abaixo, os 20 clubes do Nordeste que mais avançaram no torneio. A lista está ordenada por: 1) mais classificações, 2) melhor % em mata-matas, 3) melhor campanha e 4) melhor campanha mais antiga. Esse histórico passa a ser ampliado a partir de 9 de março de 2010, com a largada da 33ª edição da Copa do Brasil. Qual nordestino tem a maior chance de mudança na lista abaixo?

1º) Vitória (BA)
86 confrontos em 31 participações
55 classificações e 31 eliminações
Avançou em 63,9%
Melhor campanha: vice em 2010

2º) Bahia (BA)
74 confrontos em 29 participações
45 classificações e 29 eliminações
Avançou em 60,8%
Melhor campanha: quartas 7x (89, 90, 99, 02, 12, 18 e 19)

3º) Ceará (CE)
66 confrontos em 25 participações
41 classificações e 25 eliminações
Avançou em 62,1%
Melhor campanha: vice em 1994

4º) Sport (PE)
64 confrontos em 26 participações
39 classificações e 25 eliminações
Avançou em 60,9%
Melhor campanha: campeão em 2008

5º) Náutico (PE)
56 confrontos em 25 participações
31 classificações e 25 eliminações
Avançou em 55,3%
Melhor campanha; semifinal em 1990

6º) Fortaleza (CE)
49 confrontos em 23 participações
26 classificações e 23 eliminações
Avançou em 53,0%
Melhor campanha: quartas em 2001

7º) Santa Cruz (PE)
52 confrontos em 26 participações
26 classificações e 26 eliminações
Avançou em 50,0%
Melhor campanha: oitavas 8x (90, 91, 94, 97, 04, 05, 10 e 17)

8º) ABC (RN)
42 confrontos em 21 participações
21 classificações e 21 eliminações
Avançou em 50,0%
Melhor campanha: quartas em 2014

9º) América (RN)
41 confrontos em 24 participações
17 classificações e 24 eliminações
Avançou em 41,4%
Melhor campanha: quartas em 2014

10º) CRB (AL)
28 confrontos em 16 participações
12 classificações e 16 eliminações
Avançou em 42,8%
Melhor campanha: nunca chegou às oitavas

11º) Sampaio Corrêa (MA)
36 confrontos em 25 participações
11 classificações e 25 eliminações
Avançou em 30,5%
Melhor campanha: oitavas em 2019

12º) ASA (AL)
25 confrontos em 15 participações
10 classificações e 15 eliminações
Avançou em 40,0%
Melhor campanha: nunca chegou às oitavas

13º) Botafogo (PB)
26 confrontos em 17 participações
9 classificações e 17 eliminações
Avançou em 34,6%
Melhor campanha: oitavas em 2016

14º) CSA (AL)
25 confrontos em 18 participações
7 classificações e 18 eliminações
Avançou em 28,0%
Melhor campanha: quartas em 1992

15º) Treze (PB)
19 confrontos em 13 participações
6 classificações e 13 eliminações
Avançou em 31,5%
Melhor campanha: quartas em 2005

16º) Salgueiro (PE)
10 confrontos em 5 participações
5 classificações e 5 eliminações
Avançou em 50,0%
Melhor campanha: oitavas em 2013

17º) Ferroviário (CE)
10 confrontos em 6 participações
4 classificações e 6 eliminações
Avançou em 40,0%
Melhor campanha: nunca chegou às oitavas

18º) Flamengo (PI)
15 confrontos em 11 participações
4 classificações e 11 eliminações
Avançou em 26,6%
Melhor campanha: oitavas em 2001

19º) Confiança (SE)
17 confrontos em 13 participações
4 classificações e 13 eliminações
Avançou em 23,5%
Melhor campanha: oitavas em 2002

20º) Moto Club (MA)
17 confrontos em 13 participações
4 classificações e 13 eliminações
Avançou em 23,5%
Melhor campanha: nunca chegou às oitavas

Em 2021, o futebol da região será representado por 26 clubes, sendo 23 através das vagas nos campeonatos estaduais, 2 pelo Ranking da CBF (Sport, 20º, e Vitória, 23º) e 1 já pré-classificado à 3ª fase do torneio, por causa do título obtido em 2020 – Ceará (Copa do Nordeste). Nessa armada, 15 clubes figuram no top 20 acima. Lembrando que esta edição vai repartir R$ 316 milhões em cotas. Premiação a partir de… classificações.

Os 26 nordestinos na Copa do Brasil de 2021
AL (3) – CRB, CSA e Murici
BA (4) – Atlético, Bahia, Juazeirense e Vitória
CE (4) – Ceará, Ferroviário, Fortaleza e Guarany de Sobral
MA (3) – Juventude, Moto Club e Sampaio Corrêa
PB (2) – Campinense e Treze
PE (4) – Retrô, Salgueiro, Santa Cruz e Sport
PI (2) – 4 de Julho e Picos
RN (2) – ABC e América
SE (2) – Confiança e Sergipe

Leia mais sobre o assunto
As cotas da Copa do Brasil de 2021, com R$ 316 milhões repartidos entre 92 clubes

A tabela da 1ª fase da Copa do Brasil de 2021, já com 80 clubes e 15 jogos na TV

O ranking de pontos dos nordestinos na Copa do Brasil (1989-2020), com 89 clubes


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •