Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

A primeiro reunião da competição, na sede da FPF, ocorreu em 26 de maio. Foto: Tiago Pavão/FPF.

O conselho arbitral da 2ª divisão do Campeonato Pernambucano de 2021 contou com 19 clubes, entre dirigentes presentes (17) e cartas de intenção (2). Entre eles, o Íbis, tentando o retorno há duas décadas, e o Caruaru City, filiado recentemente. Ainda haverá um processo de habilitação, com a publicação de balanços, laudos e certidões, mas o número de participantes (e não há limite, basta a habilitação) seria um recorde na história da Série A2, que chega à 28ª edição neste ano.

Até hoje, o maior número de participantes foi de 17, em três oportunidades, a última delas há 16 anos (2000, 2004 e 2005). E o recorde já poderia ter sido batido na edição de 2001, com 18, e também em 2006, com 20, mas ocorreram várias desistências antes de a bola rolar. Inclusive, é algo bem comum. Há dois anos, o arbitral chegou a contar com 17 clubes, mas 9 foram eliminados no processo de habilitação organizado pela FPF. E desta vez?

Ainda há um ponto bem curioso sobre a lista de clubes no arbitral. Cabense, Timbaúba e 1º de Maio foram rebaixados à 3ª divisão na edição anterior da A2. A ideia da federação era recriar a Série A3 do Estadual nesta temporada, mas pelo visto foi tudo deixado de lado novamente.

Os 19 clubes interessados
Eis os 19 clubes: 1º de Maio, América, Atlético de Carpina, Barreiros, Cabense, Caruaru City, Centro Limoeirense, Decisão, Ferroviário do Cabo, Íbis, Ipojuca, Maguary de Bonito (o 1º campeão da A2, em 1977), Pesqueira, Petrolina, Porto, Serrano, Serra Talhada, Timbaúba e Ypiranga.

O novo regulamento
A competição tende a ser com grupos regionalizados na primeira fase, como no último ano, restando a dúvida sobre a fase final, cuja fórmula será definida na reunião no dia 3 de junho. Em 2020 a fase decisiva foi estabelecida num hexagonal final, com os acessos de Vera Cruz e Sete de setembro. O torneio de 2021, valendo duas vagas, deve começar dentro de dois meses.

Nº de clubes na Série A2 nos últimos dez anos (e o total de jogos do campeão)
2012 – 15 clubes (Chã Grande, 31 jogos)
2013 – 15 clubes (Vitória, 23 jogos)
2014 – 16 clubes (Vera Cruz, 21 jogos)
2015 – 12 clubes (Belo Jardim, 19 jogos)
2016 – 8 clubes (Flamengo, 13 jogos)
2017 – 10 clubes (Pesqueira, 14 jogos)
2018 – 14 clubes (Petrolina, 12 jogos)
2019 – 8 clubes (Decisão, 16 jogos)
2020 – 13 clubes (Vera Cruz, 13 jogos)
2021 – 19 clubes?

Os participantes da 1ª divisão em 2022
Até aqui, oito dos dez clubes já estão garantidos na Série A1 do Campeonato Pernambucano de 2022, definidos pela ordem da classificação final em 2021: 1º Náutico, 2º Sport, 3º Salgueiro, 4º Santa Cruz, 5º Afogados, 6º Vera Cruz, 7º Retrô e 8º sete de Setembro.


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •