Compartilhe!

São três gráficos animados com a linha do tempo do Campeonato Brasileiro, de 1971 a 2019.

O trabalho pra lá de interessante, uma febre atual na divulgação de dados, foi executado pelo jornalista Michael Serra, mostrando a evolução da principal competição do futebol nacional.

Embora também tenha a ideia de compilar o histórico da era unificada, com a Taça Brasil (1959-1968) e o Torneio Roberto Gomes Pedrosa (1967-1970), neste primeiro momento a tabulação foi focada no período tradicional, a partir de 1971. Os três vídeos trazem rankings sobre o nº de pontos, vitórias e gols, com os 13 primeiros colocados com dados acumulados ano a ano.

No viés nordestino, Santa Cruz e Bahia conseguiram as melhores colocações no período analisado. O tricolor pernambucano chegou a figurar em 10º lugar, em 1979, enquanto o tricolor baiano chegou ao 12º, em 1989, logo após o título brasileiro. Ambos ficaram vários anos juntos no “top 13”. O Santa saiu em 1986, enquanto o Bahia saiu em 1998. Desde então, a 13ª posição foi revezada por Guarani, Goiás e Athletico-PR, o atual. Já a liderança foi ocupada por apenas quatro times ao longo de 49 anos: Atlético-MG, Internacional, Palmeiras e São Paulo (desde 2006).

A seguir, os vídeos compartilhados pelo jornalista e historiador em seu canal no Youtube.

Linha do tempo sobre o número de pontos somados na Série A (de 1971 a 2019)

Linha do tempo sobre o número de vitórias na Série A (de 1971 a 2019)

Linha do tempo sobre o número de gols marcados na Série A (de 1971 a 2019)

Leia mais sobre o assunto
As melhores campanhas dos clubes do Nordeste no Brasileirão, de 1959 a 2019


Compartilhe!