Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  

O escudo dourado em homenagem à orelhuda obtida em Fortaleza. Imagens: Bahia/divulgação.

A linha de uniformes do Bahia para a temporada 2021 foi apresentada em 18 de dezembro, com o resultado da enquete popular. Além da camisa branca e da camisa tricolor, a coleção ainda teria pelo menos uma camisa alternativa. Na semana da estreia do Brasileirão, o clube lançou o novo modelo, inspirado na conquista recente. Segundo a descrição oficial, “a peça faz homenagem ao couro, à terra e ao sangue do povo nordestino”.

Num tom bordô, a camisa criada pelo torcedor Michel Neuhaus traz o mapa do NE na parte frontal, num contorno discreto e objetivo. Além disso, conta com alguns detalhes alusivos ao título regional conquistado nos pênaltis sobre o Ceará, no Castelão. A barra da camisa traz a frase “Tetra do Nordeste”, acompanhada de quatro estrelas douradas, sobre os títulos da Copa do Nordese em 2001, 2002, 2017 e 2020. Nas mangas, detalhes em vermelho e azul, com duas das cores oficiais do Baêa.

Oficialmente, o modelo é “exclusivo para o sócio”. No entanto, deve ser utilizado pelo time principal, como das outras vezes – e deveria mesmo, pois ficou massa. Segundo o orçamento do Bahia para esta temporada, a previsão é que a Loja Esquadrão, com os produtos oficiais do clube, incluindo a marca própria, tenha um faturamento de R$ 9,3 milhões.

Abaixo, o novo Uniforme III do Bahia. Torcedor, o que você achou do modelo?

Leia mais sobre o assunto
A linha de uniformes (I e II) do Bahia para 2021, após votação com 30 mil pessoas

Bahia lança orçamento de R$ 171 milhões para 2021, mas com as mesmas dificuldades


Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •